Agendamento de castrações em Manaus (AM) recebeu 928 ligações em quatro dias, afirma Semsa

A marca representa uma média de 232 agendamentos por dia. O agendamento exclusivo por telefone começou a ser feito no dia 30, pelo Disque-Saúde (0800-280-8-280).

168
Para a castração o animal deve estar em jejum de seis horas e ter, no mínimo, seis meses de idade (Foto: Altemar Alcantara/Divulgação Semcom)
Para a castração o animal deve estar em jejum de seis horas e ter, no mínimo, seis meses de idade (Foto: Altemar Alcantara/Divulgação Semcom)

Mais de 920 pessoas já fizeram o agendamento para castração com microchipagem de cães e gatos no Centro de Controle de Zoonoses (CCZ), da Secretaria Municipal de Saúde em apenas quatro dias de atendimento, exclusivamente, por telefone. A marca representa uma média de 232 agendamentos por dia. O número do Disque-Saúde é o 0800-280-8-280 e o atendimento é feito sempre em dias úteis, das 8h às 17h, sem intervalos. O agendamento exclusivo por telefone começou a ser feito no dia 30.

Os procedimentos cirúrgicos de castração e microchipagem são realizados em três zonas da cidade, somente para os residentes na capital. Na zona Leste, uma unidade móvel está disponível no estacionamento do Instituto Federal do Amazonas (Ifam), no bairro São José. Na zona Norte, outra unidade móvel está no estacionamento da Escola Municipal Sulamita Pereira, na Cidade Nova 2. Na zona Oeste, na sede do CCZ, na avenida Brasil, ao lado do Centro de Atenção Integral à Criança (Caic), no bairro Compensa, são atendidos os moradores das zonas Sul e Centro-Sul. Desde janeiro já foram realizados 6.281 castrações com microchipagem no CCZ.

Para a realização dos procedimentos na data e local agendados, o tutor deve observar o horário de chegada: no CCZ e na unidade móvel da zona Norte, às 7h; na unidade móvel da zona Leste, às 12h. A tolerância será de 30 minutos.

“Como o serviço por telefone ainda é uma novidade, é natural que as pessoas ‘corram’ em busca do atendimento, o que acaba causando congestionamento nas quatro linhas que disponibilizamos. Queremos tranquilizar os usuários. Não há limitações nem prazo para o serviço acabar. Todos conseguirão marcar o procedimento para seus animais de estimação. É uma determinação do prefeito Arthur Neto que atendamos a todos”, assegura o secretário municipal de Saúde, Marcelo Magaldi.

Ele explica, ainda, que haverá uma ampliação no número de cirurgias, com a contratação de mais três veterinários, por meio de Processo Seletivo Simplificado (PSS). Com isso, o número de procedimentos passará dos atuais 55 para 95 diários. O atendimento acontece em dias úteis.

O Disque-Saúde tem quatro atendentes por turno, sem intervalo. Cada atendimento dura, em média, cinco minutos. Magaldi destacou que não adianta ligar antes, nem depois do horário, porque o sistema é programado para funcionar no horário estabelecido. “Já ouvimos relatos de pessoas que disseram ter ligado às 6h30 e só ouvirem sinal de ocupado, ou de chamada sem a ligação ser atendida. Isso ocorre porque o sistema fica inoperante fora do horário de atendimento. É preciso que as pessoas atentem para isso”, observa o titular da Semsa.

A decisão de estabelecer o agendamento apenas por telefone foi para otimizar o processo e o tempo de quem procura esses serviços do CCZ. Com o Disque-Saúde o agendamento é informatizado, sendo necessário informar dados do animal e, também, do proprietário como números do RG, CPF e endereço. Cada pessoa poderá castrar e colocar o microchip em até 10 animais, sendo um a cada 45 dias. Atualmente, são realizados 55 procedimentos por dia em cães e gatos.

Requisitos

Para a castração o animal deve estar em jejum de seis horas e ter, no mínimo, seis meses de idade. Gatas podem ser castradas apenas 45 dias após dar cria e durante o cio. Cadelas apenas dois meses após dar cria e 30 dias após o cio.

Em razão do risco cirúrgico, não podem ser realizadas cirurgias em animais com sarna, pulga, carrapato, tumor de testículo (macho), tumor de mama (fêmea), bem como em machos sem testículos.

Fonte: D24am

 

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.