Alemanha: Justiça valida trituração em massa de pintinhos

Alemanha: Justiça valida trituração em massa de pintinhos vivos

Os avicultores da Alemanha estão devidamente autorizados a exterminarem, por trituração, os pintos machos das suas explorações industriais.

A prática é comum nas explorações avícolas que produzem ovos, mas havia dúvidas se era conforme à lei sobre a proteção dos animais segundo a qual “ninguém tem o direito de infligir dores, sofrimentos ou danos aos animais, sem motivo razoável”.

O Tribunal Administrativo Federal, da Alemanha, considerou que os interesses económicos dos criadores justificam a trituração das aves. Todos os anos são mortos na Alemanha, por este método, 45 milhões de pintainhos machos.

A questão chegou à justiça em 2013 quando a ministra da Agricultura da Renânia do Norte Vestefália decidiu proibir a eliminação em massa dos pintos. Os avicultores queixaram-se.

A decidão judicial valida a prática até ser encontrado um método de deteção do sexo no ovo. Já há experiências na Alemanha e na Holanda mas a técnica ainda não é aplicada à escala industrial.

A prática da trituração é aplicada apenas aos machos porque, na produção industrial de ovos, logo que os pintos nascem, as fêmeas são vendidas aos criadores para porem ovos e os machos não são considerados suficientemente bons para a produção de carne.

Fonte: Euronews / mantida a grafia lusitana original

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.