Cabra vitima de ritual é esquartejada e colocada na porta do cemitério de Serra da Raiz, PB

Cabra vítima de ritual é esquartejada e colocada na porta do cemitério de Serra da Raiz, PB

Um ritual macabro atribuído a magia negra foi encontrado na entrada do cemitério de Serra da Raiz, na manhã deste sábado (24). Moradores da pacata cidade de pouco mais de 3 mil habitantes, distante 31 km de Guarabira, ficaram assustados com a cena.

De acordo com informações de testemunhas, ao chegar ao local para aguardar um sepultamento, o coveiro da cidade se deparou com o rito, onde um animal caprino foi esquartejado e deixado enfileirado, sobre folhas de árvores, ao lado de garrafas de cachaça.

O fato chamou a atenção das pessoas que residem nas imediações do cemitério e a polícia foi chamada para identificar possíveis autores. Até o momento, a PM não conseguiu identificar quem teria praticado o crime contra o animal indefeso. Moradores serão ouvidos para colaborar na investigação.

A legislação vigente prevê cadeia para quem pratica maus-tratos a animais. A pena pode ultrapassar um ano de prisão.

Veja:

Artigo 32 da Lei nº 9.605 de 12 de Fevereiro de 1998
Art. 32. Praticar ato de abuso, maus-tratos, ferir ou mutilar animais silvestres, domésticos ou domesticados, nativos ou exóticos:
Pena – detenção, de três meses a um ano, e multa.
§ 1º Incorre nas mesmas penas quem realiza experiência dolorosa ou cruel em animal vivo, ainda que para fins didáticos ou científicos, quando existirem recursos alternativos.
§ 2º A pena é aumentada de um sexto a um terço, se ocorre morte do animal.

Fonte: Revista Novo Perfil 

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.