Ana Giselly Atan atropelou dois cães da raça pastor alemão em agosto em São Luís — Foto: Reprodução/TV Mirante

Justiça multa enfermeira que atropelou e matou cão em São Luís, MA

A enfermeira Ana Giselly Atan, acusada de atropelar em agosto deste ano dois cães em São Luís, foi condenada pela Justiça do Maranhão a pagar uma multa de R$ 20 mil pela morte da cadela Duquesa e as lesões causadas ao cão Pepe. A audiência foi realizada na nesta segunda-feira (12) na capital.

Dois homens são presos em flagrante com animais silvestres no Maranhão

Dois homens são presos em flagrante com animais silvestres no Maranhão

Uma operação da Polícia Militar de Santa Luzia, a 294 km de São Luís, em parceria com a Polícia Civil do Maranhão prendeu na segunda-feira (5) na região do Vale do Pindaré Francisco Leitão de Sousa e José Eudes Araújo. Eles foram flagrados com animais silvestres abatidos prontos para serem comercializados.

Filhotes de papagaios apreendidos durante as operação. (Foto: Divulgação)

Governo do Maranhão realiza operação de combate ao tráfico de animais silvestres

Com o objetivo de combater o tráfico de papagaios e outras aves de valor comercial, a Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Recursos Naturais (SEMA) realizou de 9 a 23 deste mês, operação de fiscalização e combate a caça e ao tráfico de animais silvestres no Parque Estadual de Mirador e em sua zona de amortecimento. A ação foi realizada em conjunto com o Batalhão de Policiamento Ambiental (BPA) e Batalhão de Bombeiros Ambiental (BBA).

Gato está preso em galeria situada na Rua Grande no Centro Histórico de São Luís — Foto: Reprodução/TV Mirante

Gato fica preso em obra no Centro Histórico em São Luís, MA

A principal avenida comercial de São Luís, a Rua Grande, situada no Centro Histórico da capital, está em obras e durante a construção da galeria um gato ficou preso e ainda não conseguiu sair do local. Ele está sendo alimentado pelos vendedores que trabalham no espaço.

Dukesa não resistiu aos graves ferimentos e morreu após ser atropelada (Foto: Leila Cristina Oliveira / Divulgação)

Tutora de cachorros atropelados em São Luís (MA) pede justiça e condena violência contra enfermeira suspeita do crime

A professora universitária Leila Cristina Oliveira é a tutora dos cachorros atropelados na terça-feira (14), no Residencial Pinheiros, em São Luís. A suspeita de ter cometido o crime é a enfermeira Ana Giselly Atan. Leila está em Salvador-BA e disse que quer justiça, por isso não concorda com a onda que tomou conta das redes sociais que sugerem violência contra a enfermeira.

Ana Gisella Athan atropelou dois cães em rua em São Luís. (Foto: Reprodução/Facebook)

Enfermeira diz que não queria atropelar cachorros, mas afastá-los das pessoas em rua de São Luís, MA

Em depoimento na Delegacia Especial do Meio Ambiente (Dema), a enfermeira Ana Gisella Athan disse que não queria atropelar os cachorros Peppe e Dukeza, mas apenas afastá-los de pessoas que estavam na rua, no Residencial Pinheiros, em São Luís, na última terça-feira (14). Ela se apresentou de forma espontânea, acompanhada de advogados, na tarde desta quinta-feira (16), prestou depoimento e foi liberada para responder o processo em liberdade.