Dukesa não resistiu aos graves ferimentos e morreu após ser atropelada (Foto: Leila Cristina Oliveira / Divulgação)

Tutora de cachorros atropelados em São Luís (MA) pede justiça e condena violência contra enfermeira suspeita do crime

A professora universitária Leila Cristina Oliveira é a tutora dos cachorros atropelados na terça-feira (14), no Residencial Pinheiros, em São Luís. A suspeita de ter cometido o crime é a enfermeira Ana Giselly Atan. Leila está em Salvador-BA e disse que quer justiça, por isso não concorda com a onda que tomou conta das redes sociais que sugerem violência contra a enfermeira.

Ana Gisella Athan atropelou dois cães em rua em São Luís. (Foto: Reprodução/Facebook)

Enfermeira diz que não queria atropelar cachorros, mas afastá-los das pessoas em rua de São Luís, MA

Em depoimento na Delegacia Especial do Meio Ambiente (Dema), a enfermeira Ana Gisella Athan disse que não queria atropelar os cachorros Peppe e Dukeza, mas apenas afastá-los de pessoas que estavam na rua, no Residencial Pinheiros, em São Luís, na última terça-feira (14). Ela se apresentou de forma espontânea, acompanhada de advogados, na tarde desta quinta-feira (16), prestou depoimento e foi liberada para responder o processo em liberdade.