Homem confessou que ficou revoltado, retirou o cadarço do tênis e o enrolou em volta do pescoço da cadela.

Sucateiro tortura e enforca cadela que o mordeu em Carmo do Paranaíba, MG

Suspeito de 24 anos foi identificado pelas imagens de câmeras de segurança de uma casa e foi preso em flagrante; depois de ser ouvido, ele foi liberado.

Um catador de sucata “raptou” uma cadela, torturou o animal por cerca de dez minutos – introduzindo um objeto no ânus dela – e a matou enforcada. O motivo: ele havia sido mordido pelo animal. A atrocidade aconteceu no bairro Nova Floresta, em Carmo do Paranaíba, no Alto Paranaíba.

Vários objetos, entre biqueiras, esporas e medicamentos, usados na prática criminosa, foram apreendidos. (Foto: Jairo Chagas)

Polícia Ambiental prende 22 por envolvimento em rinha de galo em Uberaba, MG

Polícia Militar Ambiental (PMA) prendeu, na tarde de ontem, 22 pessoas por suspeita de envolvimento em rinha de galos, no Residencial 2000. Também foram apreendidos materiais usados na prática criminosa. Os acusados foram encaminhados à Área Integrada de Segurança Pública (Aisp) Abadia, onde assinaram Termo Circunstancial de Ocorrência (TCO), sendo liberados em seguida. Todos eles devem se apresentar ao Juizado Especial Criminal.

Foto ilustrativa

Justiça suspende lei e permite que restaurantes de BH sirvam foie gras

Por meio de uma Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI), protocolada pela Associação Brasileira de Bares e Restaurantes, TJMG invalidou o decreto 11.008; texto proibia a venda da iguaria nos restaurantes da capital

Uma das maiores polêmicas da gastronomia mundial ganhou um novo capítulo em Belo Horizonte. O Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG) autorizou que restaurantes da capital voltem a servir a iguaria francesa foie gras (fígado gordo, em francês).

Procedimento cirurgico de cadela em canil de Uberlândia foi filmado e postado na internet (Foto: Reprodução/Facebook/Veterinário Sincero)

Prática de maus-tratos à cadela durante cesárea é investigada pelo MP em Uberlândia, MG

Vídeo da cirurgia no animal foi compartilhado nas redes sociais. Especialista aponta erros em técnicas adotadas.

O Ministério Público Estadual (MPE), por meio da Promotoria de Justiça de Defesa do Meio Ambiente de Uberlândia, apura uma suposta prática de maus-tratos por parte de um médico veterinário e o proprietário de um canil de Uberlândia durante a cesárea de uma cadela.

Cavalo é resgatado após ficar uma semana preso em paredão rochoso (Foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação)

Cavalo é resgatado após ficar cerca de três dias preso em um paredão rochoso em Timóteo, MG

Moradores acionaram o resgate após perceberem que o animal não conseguia sair do local, que é de difícil acesso; tutor do cavalo informou que o animal estava desaparecido há uma semana.

Um cavalo foi resgatado na manhã desta sexta-feira (13) após ficar preso em um paredão rochoso em Timóteo. De acordo com o Corpo de Bombeiros, moradores do Bairro Petrópolis acionaram o resgate após perceberem que o animal não conseguia sair do local, que é de difícil acesso. O cavalo ficou cerca de três dias ilhado.