Episódios de maus-tratos com animais continuam recorrentes em Botucatu, SP

Episódios de maus-tratos com animais continuam recorrentes em Botucatu, SP

Embora nem sempre denunciados, casos de maus-tratos são recorrentes em Botucatu. Um dos episódios mais recentes foi no último domingo (19), quando uma cachorra, amarrada no quintal da casa dos tutores, sob sol forte, sem água e comida, morreu. O laudo da morte está em averiguação na Polícia Militar Ambiental de Botucatu, e protetores da causa animal exigem que a justiça seja feita.

Instituto descarta morte de macacos por febre amarela em Jundiaí, SP

Instituto descarta morte de macacos por febre amarela em Jundiaí, SP

O Instituto Adolfo Lutz divulgou um laudo na sexta-feira (24) e descartou a morte de três macacos em Jundiaí (SP) por febre amarela. Os primatas foram encontrados mortos no dia 30 de janeiro dentro de um condomínio de chácaras no bairro Champirra, no limite entre os municípios de Jundiaí e Itatiba.

Polícia Militar Ambiental resgata pássaros mantidos ilegalmente em cativeiro em Platina, SP

Polícia Militar Ambiental resgata pássaros mantidos ilegalmente em cativeiro em Platina, SP

Nesta terça-feira, 22 de fevereiro, policiais militares do 2º Batalhão de Polícia Militar Ambiental, destacados no 2º Pelotão de Assis, em fiscalização a um criador amador de pássaros, compareceram no bairro Jardim dos Ipês, e constataram 12 pássaros das espécies Tico Tico Rei, Trinca Ferro, Iraúna Grande, Canário da Terra, Coleirinho Papa Capim, Sabiá Barranco, Tie Preto e Inhapim, mantidos ilegalmente em cativeiro, verificando ainda indícios claros de adulteração em suas anilhas de identificação.

Câmera flagra abandono de cachorra e filhotes em ONG em Mairinque, SP

Câmera flagra abandono de cachorra e filhotes em ONG em Mairinque, SP

A câmera de monitoramento de uma ONG de proteção animal em Mairinque (SP) flagrou o momento que um homem abandona em frente à sede uma cachorra e mais três filhotes. Nas imagens, é possível ver que ele a amarra com uma corrente na fachada da Associação de Proteção de Animais e deixa uma caixa no chão, onde estavam os fihotes.