Jornalista cria site para auxiliar adoção de cachorros de rua em São Leopoldo, RS

Jornalista cria site para auxiliar adoção de cachorros de rua em São Leopoldo, RS

A jornalista Sônia Bettinelli, que durante 22 anos trabalhou no Jornal VS, e hoje atua como assessora de imprensa do vereador de São Leopoldo Arthur Schmidt, criou, em parceria com a filha Luiza Bettinelli, um site que atende a quatro ONGs as quais retiram cachorros das ruas da cidade. O ‘Amigo Cãopilé’ foi lançado no mês passado, em agosto, e facilitou, até o momento, a adoção de aproximadamente 100 cães.

Casal de idosos resgata filhote de urubu ferido e pede ajuda para tratá-lo

Casal de idosos resgata filhote de urubu ferido e pede ajuda para tratá-lo

Um casal de idosos resgatou um filhote de urubu ferido em Cambé, no norte do Paraná. Os dois resolveram levar o bichinho para casa depois que encontram o animal machucado na rua. De lá para cá, ele tem convivido com seus novos amigos humanos e todos os outros animais que vivem na casa, como cachorros, codornas e gatos. No entanto, o bichinho permanece precisando de cuidados veterinários e os cuidadores estão com dificuldade para conseguir ajuda.

Mais de 20 gatos sobrevivem a incêndio no Museu Nacional

Mais de 20 gatos sobrevivem a incêndio no Museu Nacional

Em vistoria realizada na última sexta-feira, dia 07, pela Subsecretaria Municipal de Bem Estar Animal (SUBEM) em conjunto com a Comissão de Direito dos Animais da Câmara encontrou cerca de 22 felinos circulando pela Quinta da Boa Vista. A colônia de gatos vivia no Museu Nacional e sobreviveu ao incêndio do último domingo.

Projeto quer instalar comedouros para cães abandonados em ruas e praças de Macapá, AP

Projeto quer instalar comedouros para cães abandonados em ruas e praças de Macapá, AP

Um casal de namorados, que ama animais, resolveu amenizar a fome de cães de rua com uma iniciativa simples. Eles criaram um comedouro feito de cano de PVC. A princípio, a ideia era instalar apenas dois sistemas na praça do bairro Boné Azul, Zona Norte de Macapá. Porém, ao divulgarem a iniciativa na internet, o projeto ‘Ajude um AUmigo’ ganhou apoiadores e precisou ser ampliado.