Foto: Pedro Diogo

Com 40 animais de estimação, moradora de rua pede abrigo em Mauá, SP

A moradora em situação de rua em Mauá, Rose Regina Bernardi, de 59 anos, abriga 40 animais de estimação sendo 30 cães e 10 gatos em um terreno ao lado da Estação Capuava (Linha 10 – Turquesa da CPTM), na avenida Rosa Kasinski, em frente da empresa Cofap. Ela cuida dos animais de rua há pelo menos três anos e já passou pelas ruas de São Mateus, zona leste de São Paulo, com os animais.

No entanto, durante o período em que esteve na cidade, os cães começaram a atacar quem morava na região. Casos foram registrados no centro de zoonoses e, segundo a moradora, foi levada ao terreno em Mauá onde os cachorros podem ficar presos. “Me prometeram um terreno para morar, um lugar para tomar banho, mas acabei aqui, só com eles (animais de estimação)”, contou.

Rose diz que não abrirá mão dos animais, mas pede um local para se abrigar. “Aqui não tem nada, estou no meio do mato e preciso de ajuda”, pede. Um dos trabalhadores da empresa Cofap, que preferiu não ser identificado, defende a mulher, e pede mais atenção do poder público. “Ela tem direito de ficar com os animais, principalmente por que está cuidando. Durante o dia vemos ela passar com galão de água e alguém trazer ração para os cães, mas ela precisa de um terreno decente”, disse o funcionário.

Em nota, a Prefeitura de Mauá informou que acionou diversas secretarias para atender as demandas da moradora. Com relação aos animais, informa que a Defesa Animal averiguou o local e que os animais devem receber suporte veterinário e castração, tendo em vista que Rose não quer doar os animais. O caso será encaminhado para outras Pastas para que a mulher consiga abrigo e receba atendimentos necessários.

Por Amanda Lemos

Fonte: Repórter Diário

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.