Crueldade: moradora denuncia armadilha utilizada para capturar e ferir gatos em Xanxerê, SC – Olhar Animal
Foto: Divulgação

Crueldade: moradora denuncia armadilha utilizada para capturar e ferir gatos em Xanxerê, SC

O grupo Bem Estar Animal foi surpreendido na manhã desta segunda-feira (12) com uma denúncia anônima, onde uma moradora mostrou ter encontrado uma armadilha para capturar e ferir gatos, no Bairro Jardim Tarumã, em Xanxerê.

A crueldade humana é tamanha, que dentro da armadilha, possuem pregos para realmente machucar e até matar os gatos que venham a cair na emboscada. O grupo Bem Estar Animal está pedindo atenção dos moradores da localidade, para que fiquem atentos e que denunciem se avistar quem está fazendo as armadilhas. Lembrando que maus-tratos a animais é crime.

“A denúncia chegou até nós devido uma moradora estar procurando por um gato da família que está desaparecido e encontrou essa caixa, e dentro dela uma gatinha presa e ferida com os pregos expostos na parte interna. Com isso pedimos a todos os moradores desse bairro, que possuem tanto gatos quanto cães, que prestem atenção, cuidem para os mesmos não ficarem nas ruas, pois o risco de alguém fazer mal a eles é grande. Deixamos aqui nossa revolta e nossa indignação, pois com todas as campanhas realizadas sobre os cuidados, sobre a proteção animal e ainda convivermos com casos como estes é um absurdo”, diz o grupo.

Os últimos dias tem sido de notícias tristes para o mundo animal em Xanxerê. O próprio grupo tem divulgado casos onde animais foram queimados com óleo quente, ou ainda tomados por bicheira por todo corpo, mostrando o descaso de algumas pessoas para com os animais.

Agora, por determinação da Justiça, os responsáveis por atuar nessa área de fiscalização, ajuda e punição, quando necessária é do município. Mas, que até o momento nada tem feito. A administração deveria ter iniciado as ações ainda no dia 25 de janeiro de 2018. O Lance Notícias buscou informações sobre como o programa deve ocorrer no município, mas com todas as pessoas que foi tentado, ninguém soube explicar o processo. A assessoria de imprensa também não se manifestou.

Ao se deparar com casos de abandono, maus-tratos, e principalmente, com estes casos de armadilhas, chame a polícia e denuncie!

Por Patricia Silva

Fonte: Lance Notícias 

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.