Dona de abrigo pede socorro para tratamento de cachorro que foi queimado vivo em Cuiabá, MT

Dona de abrigo pede socorro para tratamento de cachorro que foi queimado vivo em Cuiabá, MT

A dona do abrigo Anjos Peludos Cuiabá, Cinthia Amorim está pedindo ajuda para o tratamento de um cachorro da raça poodle que foi resgatado por com 80% do corpo queimado, no bairro Pedra 90, em Cuiabá.  Ela batizou o  pequeno cão de Vitório. Conforme Amorim, o resgate ocorreu na última terça-feira (27). Ela estava procurando o poodle da sua tia, quando viu o cãozinho Vitório gritando de dor na rua.

Apesar de ja ter feito os curativos de urgência, o tratamento completo custa hoje R$ 45 por dia. No abrigo já são mantidos 17 cachorros e Cinthia relata que está passando por dificuldade com o custeio do tratamento do pequeno cão, que ainda está muito traumatizado com o que passou.

“Não sei como ele sozinho conseguiu apagar o fogo. Quando vi ele ainda estava bem quente. Ele veio correndo em minha direção. Parece que sabia que eu não ia deixar ele sozinho naquele lugar. Quando peguei ele no colo começou a sair o couro nos meus braços”, disse Cinthia.

Em novembro de 2015, a cuidadora de animais fez seu primeiro resgate, que foi uma cadela da raça pitbull, que foi chamada de Teka. Ela ficou 45 dias sem água e comida.

Doações

O abrigo Anjos Peludos sobrevive através de doações que podem ser feitas através de transferência bancária.

Caixa Econômica Federal; Agência 0686 ; tipo 013 ; Conta 237872-7

Banco do Brasil ; Agência 4043-6 ; tipo C/C ; conta 21014-5

Fonte: Circuito MT via Amplitude News 

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.