Equipe de resgate salva ave com anzol preso em sua garganta

Equipe de resgate salva ave com anzol preso em sua garganta

A vida é dura o suficiente no oceano sem ter que lidar com sacolas plásticas e anzóis de pesca.

É muito comum ouvirmos como nossa exploração do oceano prejudica as criaturas dentro dele. Muitas vezes, são imagens de golfinhos e tartarugas marinhas que vêm à mente, mas o oceano é parte do grande ecossistema, e o que prejudica as criaturas do oceano está fadado a prejudicar a vida não-marinha com o tempo.

Este vídeo, proveniente da organização Wildlife Aid, conta a história de uma gaivota-de-patas-amarelas que veio até os resgatistas com um anzol preso na garganta. É uma série de momentos de arrepiar os cabelos na sala de cirurgia, mas, finalmente, a veterinária é bem-sucedida e a gaivota recebe a reabilitação muito necessária.

Algumas partes são difíceis de assistir, mas vale a pena os 2:45 minutos, quando ela finalmente pega o gancho e começa a removê-lo!

Como é geralmente o caso, um final feliz veio porque pessoas comprometidas e compassivas estavam envolvidas. Humanos podem ter causado esse problema, mas também foram eles que o corrigiram.

Ainda estamos aprendendo a melhor forma de cuidar dos nossos oceanos, mas enquanto houver pessoas dispostas a agir, a vida nele pode ser muito menos perigosa.

Gosta de histórias sobre como resgatar animais necessitados? Veja: Ver este dogue alemão ser resgatado do frio congelante nos faz tão feliz! Se você gosta de histórias como essa, inscreva-se na newsletter do One Green Planet para receber mais artigos sobre animais, comida vegana, saúde e receita publicados diariamente!

Por Sander Gusinow / Tradução de Ana Carolina Figueiredo

Fonte: One Green Planet

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.