Joseph Maldonado foi candidato a governador nos EUA (AP Photo/Sue Ogrocki)

Ex-candidato a governador é acusado de matar cinco tigres nos EUA

Um ex-candidato a governador dos Estados Unidos foi indiciado pela morte de cinco tigres que viviam em seu zoológico. Joseph Maldonado-Passage, de 55 anos, conhecido como “Joe Exotic” é acusado de ter assassinado os animais para dar espaço a novos bichos no local do qual foi dono.

Ele já havia sido preso em setembro deste ano pela acusação de ter encomendado a morte de Carole Baskin, a CEO de uma ONG que denunciava maus tratos por parte de Joe Exotic à frente do zoo. O estabelecimento, chamado Wynnewood Exotic Animal Park, fica localizado na Filadélfia e foi adquirido por novos donos há três anos, segundo o jornal Washington Post.

De acordo com a publicação, Maldonado-Passage é acusado de ter oferecido U$ 3 mil em dinheiro vivo a uma pessoa para realizar o assassinato da mulher. Ele teria combinado de pagar “milhares de dólares” adicionais após o crime.

No entanto, durante a coleta de novas evidências para o caso, a polícia descobriu a ossada de cinco tigres adultos no parque que um dia o pertenceu. Peritos analisaram que os animais foram fuzilados, algo que configura como crime ambiental.

De dentro da prisão, Passage concedeu uma entrevista ao canal Koco 5 admitindo ter matado os tigres. Sua alegação é de que os felinos viviam com dor e que ele estava apenas tentando ajudar.

“Eu coloquei cinco tigres para dormir porque eles estavam com dor”, disse.

Caso seja considerado culpado pela tentativa de assassinar Carole Baskin, Passage pode pegar até dez anos de pena e arcar com uma multa de U$ 250 mil.

Fonte: Yahoo Notícias

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.