Filhote de veado é resgatado por morador enquanto fugia de queimada

Animal pode ter ficado órfão ou se desgarrado da mãe durante queimada no distrito de Luzimangues. Bicho foi resgatado por chacareiro e entregue à PM Ambiental.

236
Veado foi resgatado pela polícia ambiental (Foto: PM Ambiental/Divulgação)
Veado foi resgatado pela polícia ambiental (Foto: PM Ambiental/Divulgação)

Um filhote de veado campeiro foi resgatado em uma chácara no distrito de Luzimangues, a cerca de 12 quilômetros de Palmas, após um incêndio florestal. O animal foi entregue à Polícia Militar Ambiental por um morador da região nesta segunda-feira (28).

O homem contou à polícia que avistou o veado fugindo de uma área que estava em chamas na última sexta-feira (25). Ele resgatou o animal e acionou a corporação. Durante o final de semana, ficou cuidando do bicho e o alimentando com uma mamadeira.

Conforme a corporação, o veado pode ter ficado órfão ou se desgarrado da mãe durante o fogo. Na semana passada, um outro filhote de veado foi resgatado após se desgarrar da mãe e ficar preso durante um incêndio em uma mata em Palmas. Nesse mês de agosto foram registradas 2.743 queimadas. Este é o pior mês do ano de 2017, mas está abaixo do ano passado, quando foram registrados 3.213 focos em agosto.

O veado foi levado para o centro de fauna do Instituto Natureza do Tocantins (Naturatins), onde deve ser avaliado e depois enviado para o Centro de Triagens de Animais Silvestres em Araguaína, norte do Tocantins.

Para solicitar o resgate de animais e denunciar crimes ambientais basta ligar para a polícia ambiental no 190 ou (63) 3218-2761, assim como para a linha verde do Instituto Natureza do Tocantins (Naturatins) 0800-63-1155.

Fonte: G1

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.