Homem arromba quiosque e mata gatos para adoção a pauladas em Brasília, DF

1818
Foto: Myke Sena
Foto: Myke Sena

Um quiosque que vende lanches no SIG, em frente à Faculdade Evangélica (FE), foi arrombado na madrugada deste domingo (15). Além de levar equipamentos e dinheiro, o criminoso ainda matou a pauladas três gatos, mãe e seus dois filhotes, que estavam no local para adoção. Apesar de contar com câmeras de segurança, a ação não foi registrada pois o autor do crime desligou a energia antes da invasão. Até o momento, a polícia não tem suspeitos.

O prejuízo contabilizado é de R$ 1,5 mil, pois foram levadas uma TV pequena, um assoprador – espécie de vassoura elétrica -, além de cerca de R$ 100 do caixa, quantia que restou do serviço da sexta-feira (14). O criminoso arrombou uma das portas de vidro e subiu ao teto por uma fresta que fica entre a parede e o telhado do lado de fora. Depois, ele tirou as telhas e o forro plástico do quiosque para, enfim, conseguir entrar.

A partir daí, foi fácil levar o que fosse possível. A funcionária do estabelecimento, Maria da Guia, de 40 anos, ficou surpresa com a maldade do autor do crime, por ter matados os gatos que ficavam atrás da loja. Os animais estavam sendo doados e permaneciam lá temporariamente, até que fosse encontrado algum tutor para eles.

A suspeita no estabelecimento é de que o criminoso tenha visitado o espaço antes, pois sabia da existência das câmeras e até como desligá-las. “Hoje, estou desanimada. A gente trabalha tanto para alguém fazer isso”, lamenta Maria. Porém, ela garante que na semana que vem vai ter uma nova TV para substituir a furtada e que isso não vai interferir no serviço.

Para se prevenir de outras ocorrências, a direção da lanchonete vai colocar grades para reforçar a segurança. O caso vai ser registrado na Polícia Civil para investigação.

Por João Paulo Mariano

Fonte: Jornal de Brasília

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.