Os 21 quelônios foram entregues à Semma para avaliação médica e posterior soltura em Prainha (Foto: Polícia Militar de Prainha/Divulgação)

Homem é preso pela PM após tentar vender 21 quelônios em Prainha, no PA

Um homem de 51 anos foi preso neste sábado (24) após a Polícia Militar e a Secretaria Municipal de Prainha, no oeste do Pará, encontrar com ele 21 quelônios, conhecidos na região como “pitiú”. A prisão aconteceu depois da PM receber uma denúncia informando sobre a venda dos animais.

Foi solicitado o apoio da Semma antes da guarnição seguir para o local informado na denúncia. De acordo com o 18º Batalhão de Polícia Militar, o homem foi conduzido para a delegacia de Prainha, prestou depoimento e deve responder por crime contra a fauna.

Os animais ficaram sob cuidados dos agentes do órgão ambiental para avaliação de médicos veterinários e posterior soltura à natureza.

A Lei de Crimes Ambientais proíbe “matar, perseguir, caçar, apanhar, utilizar espécimes da fauna silvestre, nativos ou em rota migratória, sem a devida permissão, licença ou autorização da autoridade competente”.

Fonte: G1

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.