Ursa Marsha. (Foto: Divulgação Semar)

Internautas voltam a fazer apelo por transferência da ursa Marsha para santuário em SP

A campanha para transferir a ursa Marsha, que está no Parque Zoobotânico de Teresina (PI) para a Associação Santuário Ecológico Rancho dos Gnomos ASERG voltou com força nas redes sociais. Diversos internautas estão comentando nas páginas de políticos do Estado para que a ursa seja enfim transferida.

Segundo o secretário Robério Barros, da Secretaria de Meio Ambiente, o caso de Marsha está a nível judicial no Tribunal Regional Federal de Brasília e o órgão não pode dar declarações sobre. O secretário conta que está esperando uma posição da justiça para que algo seja feito pela ursa.

Em 2017 foi feita uma petição online onde mais de 235 mil pessoas no Brasil todo assinaram pela ida de Marsha ao santuário, que fica localizado em São Paulo.

História da ursa Marsha e apelo feito no Instagram @ursamarsha

O perfil atribuído à ursa pede que seus seguidores comentem no perfil do governo do Estado, do governador Wellington Dias, vice-governadora Margarete Coelho, e dos senadores Ciro Nogueira, Elmano Ferrer e Regina Sousa. Esta ação chamou a atenção de Margaret Coelho, que respondeu que “está sendo construída uma solução para o caso”.

Publicação no instagram @ursamarsha que se refere à Margarete Coelho. (Foto: Reprodução)

Depois de meses da decisão da transferência da ursa, que anteriormente tinha sido suspensa e autorizada novamente logo em seguida, a ursa continua no Zoológico de Teresina.

Para que a causa pudesse ganhar mais visibilidade, os internautas que apoiam a ursa também entraram em diversos perfis de portais locais e fizeram apelos pela transferência de Marsha.

Comentários em uma publicação feita no perfil do Portal AZ. (Foto: Reprodução)

Artistas nacionais se manifestam em defesa da ursa Marsha

O caso da Ursa Marsha chamou atenção de duas atrizes da Rede Globo, Glória Pires e Heloisa Périssé que se manifestaram pedindo a doação do animal para o santuário em São Paulo.

Assista ao vídeo abaixo:

Internautas voltam a fazer apelo por transferência da ursa Marsha

A campanha para transferir a Ursa Marsha à Associação Santuário Ecológico Rancho dos Gnomos ASERG voltou com força nas redes sociais. Diversos internautas estão comentando nas páginas de políticos do Estado para que a ursa seja enfim transferida. O caso chamou atenção de duas atrizes da Rede Globo, Glória Pires e Heloisa Périssé que se manifestaram pedindo a doação do animal para o santuário em São Paulo. Saiba mais: https://goo.gl/DUZdBu

Publicado por Portal AZ em Sexta, 1 de junho de 2018

Em seu perfil do instagram, a atriz Glória Perez fez o seguinte comentário:

“Esse stories vai para o secretário do meio ambiente Ziza Carvalho do Piauí. Secretário, eu estou mandando essa mensagem porque está chegando o Dia do Meio Ambiente e o senhor ficaria tão bem na foto se na finalizasse a doação da ursa Marcha. Isso ia ficar marcado positivamente na história desse estado tão lindo e que tem esse povo tão acolhedor. Eu duvido se as pessoas que frequentam o zoológico daí fiquem felizes vendo a depressão, tristeza e degradação que essa bichinha está passando. Isso não fica bem. Aproveita a semana do meio ambiente e dá esse presente para nós, estamos precisando tanto de bons exemplos”

Já Heloisa Périssé foi mais dura em seu protesto e sugeriu que as autoridades do estado usassem um casaco de pele para sentir o que a ursa Marsha passa em nosso Estado, tendo em vista, as altas temperaturas.

“Gente, será que é tão difícil entender o que a ursa Marsha passa no Piauí? Eu sugiro aos responsáveis que coloquem o casaco de pele assim como ela usa naturalmente e passem umas horas dentro da jaula dela. Você vai entender!”

Entenda o caso

A Ong Avaaz, comunidade de mobilização online que leva a voz da sociedade civil para a política global, chamou a atenção dos internautas a respeito da situação da ursa Marsha no zoológico de Teresina.

A Ong fez um abaixo assinado no site com o intuito de realizar a transferência da Ursa Marsha, que sofre de calor e de fome em Teresina, para um local mais adequado em temperatura, espaço e alimentação.

Por Laura Parente 

Fonte: Portal AZ

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.