CE iguatu novaong thumb

Jovens de Iguatu (CE) criam entidade em defesa e proteção dos animais

CE iguatu novaong

Em Iguatu, jovens se uniram para criar uma entidade de defesa e proteção dos animais.

O Adota Iguatu é uma Organização Não-Governamental que começou através da redes sociais. Hoje o movimento vem ganhando novos parceiros e o trabalho está sendo ampliado.

A ONG surgiu do sonho de um grupo de jovens em criar uma entidade de defesa e proteção aos animais. A equipe conta com cerca de 20 voluntários, além de outras cenenas de seguidores nas redes sociais.

Juntos, lutam pela mesma causa. “É um trabalho que a gente vem desenvolvendo passo a passo e que a gente faz com muito amor. Porque além da questão do resgate dos animais tem a questão da conscientização da população para tentar mudar essa visão que eles têm, principalmente em relação aos animais de rua. Muitos tratam como objeto mesmo”, explica Léo Lima, associado.

O trabalho conciste na retirada dos animais das ruas da cidade para ajudá-los a ganhar um lar de verdade. Mas antes de irem para as novas moradias, os bichos passam por cuidados médicos.

Uma cadela com poucos meses de nascida foi encontradas na rua. Abandonada, bastante debilitada, cega de um olho e doente. Depois que recebeu todo o tratamento e cuidados necessários, vem esbanjando saúde. Por isso, foi batizada de Vida, por ser um exemplo de superação.

Atualmente, cerca de 50 animais já foram adotados pela população. O projeto conta com mais animais disponíveis para a adoção. Uma parte deles está no Centro de Zoonoses e outra na casa de voluntários que apoiam o trabalho da organização.

Além da adoção e lares temporários para os bichos, a ONG também pretende fazer uma campanha de castração. Para isso, busca parceiros. Isso porque tudo é mantido pelos próprios associados.

“Tudo é custeado do nosso bolso, como tratamento e remédios. Carro de resgate, quando alguém tem veículo próprio, vai lá para ajudar. Cada um ajuda com o que tem. É tudo por nossa conta”, explica Fanuel Moreno, presidente da associação.

Além de dinheiro, eles também recebem todo o tipo de doação, como ração, medicamento e produtos de higiene. As pessoas interessadas em contribuir, podem entrar em contato com os integrantes da ONG pelo Facebook.

Fonte: TV Diário

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.