Caranguejos foram localizados e devolvidos à natureza em área de mangue em Cubatão, SP (Foto: Divulgação/Polícia Militar Ambiental)

Mais de 70 caranguejos são devolvidos à natureza em Cubatão, SP

Ao menos 72 caranguejos da espécie Uçá foram devolvidos à natureza em Cubatão, no litoral de São Paulo, neste fim de semana. Os animais, que estão em período de defeso e não podem ser capturados, foram localizados amontoados e prontos para serem comercializados.

A localização dos caranguejos ocorreu durante patrulhamento de uma equipe da Polícia Militar Ambiental pela Rodovia dos Imigrantes. Nas proximidades da Ilha Caraguatá, os policiais perceberam quando um homem correu para dentro de uma mata próximo à pista.

A equipe parou a viatura e foi atrás do suspeito. No caminho, em uma região de mangue, foram localizados os caranguejos amarrados, prontos para serem comercializados, escondidos aproximadamente a 300 metros da pista. Juntos, os animais pesavam 15 kg.

Os policiais não conseguiram localizar o homem, provável responsável pela comercialização, mas realizaram a soltura dos animais em uma região perto dali. Caso o infrator seja identificado, ele poderá responder por crime ambiental.

Caranguejos estavam amarrados e prontos para serem comercializados em Cubatão, SP (Foto: Divulgação/Polícia Militar Ambiental)
Caranguejos estavam amarrados e prontos para serem comercializados em Cubatão, SP (Foto: Divulgação/Polícia Militar Ambiental)

Fonte: G1


Nota do Olhar Animal: Estes caranguejos só ganharam a liberdade por conta da “época do defeso”, período de reprodução da espécie e durante o qual é proibida a captura. Nem de longe existe alguma preocupação com a vida de cada indivíduo desses ou com seus interesses, em especial o interesse de viver. É provável que, terminado o defeso, a parte que sobreviveu às hostilidades do ambiente sucumba à predação humana, muitas vezes jogados ainda vivos em água fervente.

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.