Fotos: Pixabay

Maneiras naturais para aliviar a coceira de cães e gatos

Assim como os seres humanos, animais de estimação também podem sofrer com pele seca e coceiras. A coceira constante pode ser causada por alergias ou sensibilidade a detergentes ou produtos de limpeza utilizados em casa. Também pode piorar durante os meses de inverno ou em clima quente com baixa umidade. Embora uma coceira ocasional seja normal para cães e gatos, o desconforto da pela seca ou irritada pode fazer com que se cocem mais do que o normal.

O primeiro passo é tentar determinar a causa da coceira. Você trocou recentemente sua alimentação ou petiscos, ou adicionou algo novo à dieta? Houve alguma alteração nos produtos que você usa para lavar a roupa de cama dele ou limpar sua casa? Os sintomas pioram quando ele está fora de casa? Responder a estas questões pode te ajudar a determinar possíveis causas e então consultar um veterinário, caso seja necessário. Enquanto isso, há maneiras naturais que auxiliam no alívio da coceira do seu animal de estimação e previnem problemas no futuro.

Acrescente Óleos Benéficos à Dieta

Suplementar a alimentação de seu animal de estimação com alguns óleos pode ajudar no alívio da pele seca e melhorar a condição geral de sua pelagem. Óleo de linhaça ou sementes de linhaça moídas possuem ácidos graxos ômega-3 e ômega-6 que podem ajudar sua pele, pelagem e saúde geral. O óleo de linhaça e sementes moídas devem ser mantidos sob refrigeração para evitar que fiquem rançosos. O óleo de linhaça pode ser encontrado na seção refrigerada das lojas de alimentos saudáveis e as sementes de linhaça podem ser compradas inteiras e depois moídas, conforme necessário.

O óleo de coco não refinado também pode ser acrescentado ao alimento em pequenas quantidades, ou levemente aplicado às manchas de pele seca e coxins, como hidratante. Quando alimentar seu animal com óleo, seja de qualquer tipo, comece com uma quantidade pequena – menos que uma colher de chá – e observe sinais de transtorno digestivo. Também é importante consultar o veterinário antes de acrescentar óleos à dieta do seu animal. Muita gordura pode causar diarréia, promover ganho de peso ou causar pancreatite.

Dê um Banho Calmante em Seu Animal

É importante escovar e banhar seu animal de estimação para ajudar na remoção de alergênicos, sujeira ou caspa de sua pelagem, mas fazer isso com muita frequência pode fazer com que a irritação cutânea piore, e não melhore. Dê banho somente quando for realmente necessário, e como cães e gatos possuem pH diferentes dos humanos, você nunca deve usar seus próprios produtos de banho para banhá-los.

Você pode fazer um shampoo caseiro para cães diluindo algumas colheres de sopa de sabão de Castela líquido em uma jarra de água. Para um aroma leve, acrescente algumas gotas de óleos essenciais. Só não exagere, pois poderá irritar a pele sensível, e recomenda-se não usar óleos essenciais para gatos. Uma pequena quantidade de bicarbonato de sódio pode ser acrescentada à água do banho para promover alívio extra.

Faça um Spray Calmante para Aliviar a Irritação

Sprays calmantes podem promover alívio entre os banhos ou quando seu animal estiver cm coceira em alguma área específica. Antes de aplicar qualquer coisa, sempre verifique se há irritação na área. Se a pele estiver extremamente vermelha ou se houver áreas de pele rachada, uma pomada calmante ou medicamentosa talvez seja uma melhor opção. Veja o que o veterinário do seu animal recomenda.

Para coceira que não resulta em irritações cutâneas maiores, você pode tentar um spray calmante caseiro. Quando aplicar o spray, tome cuidado para não aplicar ao redor dos olhos, focinho e boca.

• Misture uma parte de vinagre de maçã em uma parte de água, e então despeje em uma garrafa de spray. Aplique a mistura em seu animal e deixe a pele absorver. A princípio, irá ter um cheiro forte, mas o cheiro de vinagre desaparecerá.
• Crie um spray de ervas preparando um chá de ervas como camomila, então deixe esfriar na geladeira. Depois que estiver frio, despeje em uma garrafa de spray e borrife levemente na pelagem do seu animal, aplicando-o entre os pelos para que atinja a pele.

Quando Consultar um Veterinário

Usar um umidificador nos meses mais secos, dar banhos calmantes e acrescentar suplementos à dieta do animal pode ajudar no alívio da coceira, mas se a condição do seu animal for tão grave a ponto de impactar suas atividades diárias, ou se causar coceira excessiva ou mastigação que resulte em pele rachada ou feridas, você precisará consultar um veterinário.

A coceira constante pode ser um sinal de parasitas, como pulgas ou ácaros, ou pode ser reação alérgica a algo na alimentação ou ambiente. O veterinário poderá conduzir os exames necessários para descartar estas questões subjacentes e ajudar a determinar um curso adequado de tratamento para que seu animal sinta-se melhor o mais rápido possível.

Por Arianna Pittman / Tradução de Roberta M. Bordin

Fonte: One Green Planet

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *