Morador de Sandovalina (SP) recebe multa de R$ 5 mil por manter em cativeiro ave ameaçada de extinção

Por apresentar sinais de domesticação, o pássaro permaneceu com o homem. Fato foi registrado neste sábado (11) pela Polícia Militar Ambiental.

345
Espécie Curió consta na lista dos animais ameaçados de extinção (Foto: Polícia Ambiental/Cedida)
Espécie Curió consta na lista dos animais ameaçados de extinção (Foto: Polícia Ambiental/Cedida)

Um morador de Sandovaliva foi multado em R$ 5 mil por manter em cativeiro um curió, sem autorização de órgão ambiental. A espécie consta na lista dos animais ameaçados de extinção. O fato foi registrado neste sábado (11).

Em patrulhamento de rotina no município, uma equipe da Polícia Militar Ambiental constatou um pássaro da fauna silvestre em cativeiro sem autorização do órgão ambiental.

Diante do fato, foi elaborado em desfavor do homem o auto de infração ambiental na modalidade multa simples no valor de R$ 5 mil “por ter em cativeiro espécime da fauna silvestre nativa”, conforme disposto do artigo 25, § 3º, inciso III da Resolução SMA – 48/2014.

A espécie curió está na lista de animais ameaçados de extinção e, por este motivo, a multa foi majorada, de acordo com a Polícia militar Ambiental.

Por apresentar visíveis sinais de domesticação, não apresentar sinais de maus tratos e também não ter local para destinação, o pássaro ficou depositado com o infrator.

Fonte: G1

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.