Barragem da Arcelor mudou de nível 1 para nível 2 após empresa mudar os padrões de segurança do projeto geotécnico. Empresa faz estudos para garantir estabilidade (foto: Edésio Ferreira/EM/D.A PRESS)

Moradores de Itatiaiuçu (MG) voltarão às casas para ver animais deixados por risco de barragem

Moradores da comunidade de Pinheiros, que pertence ao município de Itatiaiuçu, na Grande BH, que tiveram que sair de suas casas pelo risco da barragem de rejeitos minerários da Mina Serra Azul, vão poder fazer uma visita às residências na tarde deste sábado para verificar a situação dos animais que foram deixados para trás.

Nova inspeção será feita na barragem de Barão de Cocais neste domingo, diz Vale
Segundo o tenente Flávio Fagundes, da Defesa Civil de Minas Gerais, o objetivo dessa visita é permitir aos moradores mostrar onde estão insumos necessários ao tratamento dos animais e onde ficam os bichos, para que a Arcelor Mittal providencie o tratamento necessário para cada um dos animais.

O militar explicou que a empresa poderá remover os bichos em que for possível para o Parque de Exposições de Itatiaiuçu. Já os casos em que não houver essa possibilidade, a mineradora terá que prover a alimentação na área de risco.

Na parte da manhã, a Defesa Civil esteve no Hotel Ibis de Itaúna, onde estão 95 pessoas, e autorizou um representante de cada família a seguir para a visita, que vai acontecer ainda neste sábado. “Essa também é uma oportunidade para retirada de pertences que não puderam ser levados na saída desses moradores, mas vamos permanecer apenas durante a verificação dos animais”, diz o tenente Fagundes.

Sobre a situação da barragem da MIna Serra Azul, o militar explicou que ela segue em nenhuma alteração e a empresa continua fazendo estudos geotécnicos para que a situação seja normalizada.

Fonte: Estado de Minas

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.