Mulher é presa suspeita de agredir cachorra com pauladas e mantê-la em situação de maus-tratos em MT

Resgate foi registrado no município de Pontal do Araguaia após denúncias anônimas. O animal tinha ferimentos no pescoço e no peito, segundo a PM.

737
Animal foi resgtado em casa no município de Pontal do Araguaia (Foto: Polícia Militar/Divulgação)
Animal foi resgtado em casa no município de Pontal do Araguaia (Foto: Polícia Militar/Divulgação)

Uma mulher foi presa neste sábado (3) por suspeita agredir uma cachorra e manter o animal em situação de maus-tratos no município de Pontal do Araguaia, a 518 km Cuiabá. A cachorra, segundo a Polícia Militar, tinha ferimentos no pescoço por passar vários dias amarrada. O nome da mulher não foi divulgado.

O fato foi registrado no Bairro João Rocha. De acordo com a PM, a prisão ocorreu após a denúncia anônima de vizinhos.

Em abordagem na casa da mulher, o animal foi encontrado nos fundos da residência. Ele tinha ferimentos no pescoço, por ficar amarrado, e no peito, supostamente por ter sido agredido com pauladas.

A cachorra, que estava magra e com ossos aparentes, foi entregue aos cuidados de uma ONG naquele município.

O caso será investigado pela Polícia Civil. A mulher deve responder por maus-tratos a animal.

Fonte: G1

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.