Mulher mata gato em máquina de lavar roupa

Uma mulher, na Espanha, matou um gato ao trancá-lo na máquina de lavar roupa. Ela gravou um vídeo registrando os maus-tratos e compartilhou nas redes sociais.

De acordo com informações locais, ao ver que o gato tinha sobrevivido à primeira lavagem, ela decidiu repetir o processo, desta vez, adicionou sabão. Enquanto gravava a ação, a mulher diz no vídeo: “Pronto, continua a miar. Até parece que os gatos não têm sete vidas!”.

As imagens geraram uma enorme onda de indignação social. Há uma petição na plataforma Change, com mais de 300 mil assinaturas, que exige que a autora dos atos seja levada à justiça.

A Plataforma Cívica de Justiça e Defesa Animal, uma organização espanhola sem fundos lucrativos, está investigando e colhendo provas sobre o caso e disse que tomará providências legais contra a mulher que compartilhou o vídeo.

O Partido Animalista da Espanha também se juntou à causa para denunciar a mulher que fez o vídeo. Silvia Barquero, presidente do partido, declarou, em entrevista ao jornal espanhol 20 minutos, que o objetivo da instituição é que a autora destes atos “seja condenada à pena máxima por maus-tratos animais, que seria de 18 meses de prisão e 3 anos de impossibilidade de ter animais”.

“Ela faz isto como se fosse alguma espécie de jogo. Quando denunciamos as condições em que um caçador cuida dos seus animais, pode ser algo discutível. Aqui é um caso apenas de má-fé. Isto diz respeito ao sofrimento do animal e a uma falta de empatia total por parte do agressor e deve ter consequências exemplares”, disse Silvia na mesma entrevista.

Fonte: Destak Jornal

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *