Gatinha Melissa está internada e precisa de cuidados — Foto: Projeto Acolher/Divulgação

ONG de Alagoas pede ajuda para custear tratamento de gata esfolada viva

O Projeto Acolher está pedindo ajuda para custear o tratamento de uma gata com menos de 1 ano de idade que foi esfolada viva. A Melissa, como foi carinhosamente apelidada, está com mais 50% do corpo sem pelos e o rabo dela ainda foi cortado.

O resgate aconteceu na semana passada no bairro Vergel do Lago, na periferia de Maceió. Desde então, ela vem sendo cuidada por voluntários da ONG, mas o estado de saúde é grave.

View this post on Instagram

Melissa hoje não quis se alimentar sozinha. Porém bebeu água… Temos consciência que o quadro é grave, mas não vamos perder a esperança em nenhum momento. Ate o fim da noite, postaremos mais alguma notícia, assim que a @clinicaanimaispontocom nos passar!! PRECISAMOS DE VOCÊS! 🐾CAIXA ECONOMICA AG: 1557 OP: 013 CONTA: 88103-5 NAÍNE TELES BARRETO DE LIRA . ~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~ * 🐶 🐾BRADESCO AG:2250 CONTA:30102-7 NAÍNE TELES BARRETO DE LIRA . ~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~ * 🐱 🐾BANCO DO BRASIL AG: 3393-6 VARIAÇÃO: 51 CONTA POUPANÇA: 43277-6 LÍVIO RÔMULO SILVA OLIVEIRA . ✅ 📞 💻Projeto Acolher passa cartão pelo whatsapp através do PAGSEGURO ou MERCADO PAGO. (82-987595424) . ✅ 🐄 Doem pela vakinha, que aceita cartão de crédito e boleto. http://vaka.me/535999 ✅ 💻Doem através do PAYPAL e MERCADO PAGO pelo email: naineteles@gmail.com 👉🏼Caso precisem do Cpf, solicitem!

A post shared by Projeto Acolher Maceió 🐾❤ (@projetoacolher) on

“Alguém pegou ela e tirou o couro, tirou o rabo. Ela está internada, mas o estado dela é grave porque está com mais da metade do corpo exposto”, falou a voluntária Naíne Teles.

Ninguém foi preso. A ONG diz aguardar denúncias por parte da população para que o criminoso seja encontrado.

A assessoria de comunicação da Polícia Civil disse que casos de maus-tratos a animais são investigados pela delegacia do 25º Distrito da Capital. A reportagem do G1 não conseguiu contato com a delegacia.

Quem quiser ajudar a Melissa, pode contribuir com qualquer quantia. Os números da conta do Projeto Acolher estão na postagem acima do texto. Também estão sendo aceitas alimentos para gatos, faixa de queimadura, pomadas Purilon e Furanil.

Por Roberta Cólen, G1 AL

Fonte: G1

Crueldade: gata é esfolada viva e tem rabo cortado em Maceió

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.