Peixes foram encontrados mortos na nascente do riacho que fica no interior da gruta - Foto: Blog do Latinha l Divulgação

ONG denuncia mortandade de animais em nascente de riacho na Bahia

A mortandade de peixes, aves e cobras na Gruta Boca da Lapa, município de Feira da Mata (a 925 km de Salvador), foi denunciada pela organização não governamental (ONG) Prisma, que cobra ações de órgãos ambientais para identificar a causa e mitigar o problema.

Os animais mortos foram localizados dentro da gruta, onde nasce o riacho Ramalho, um dos afluentes do rio São Francisco. “Percorremos 700 metros na caverna e encontramos muitos animais mortos”, disse o presidente da ONG, José Carlos Latinha.

Ele revelou que, desde o dia 4 deste mês, moradores das proximidades tiveram conhecimento do fato e que disseram ter ouvido explosões, o que aponta para a suspeita de que pessoas tenham jogado bomba na água para facilitar a pesca.

A visita da equipe de ambientalistas aconteceu no sábado passado. Eles fotografaram e coletaram amostras de água para análises. “Estamos formulando a denúncia para encaminhar ao Inema, Secretaria Estadual de Meio Ambiente e à Comissão de Meio Ambiente da Assembleia Legislativa”, disse. Amostras também foram coletadas pela Secretaria de Meio Ambiente de Feira da Mata, mas ainda não há previsão para conclusão da análise.

É consenso entre os ambientalistas da região que o local deve ser mais preservado, “e por isso estamos trabalhando em um projeto de lei para transformá-lo em um parque municipal. É um local que deve ser cuidado para que continue sendo um manancial importante para os moradores e um colaborador do rio São Francisco”, defendeu o presidente da Câmara de Vereadores de Feira da Mata, Cristiano Cunha.

Por Miriam Hermes

Fonte: A Tarde

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.