Onze gatos e 33 cachorros são achados amarrados por cordas na casa de gari

Cães e gatos foram resgatados após denúncia em Ji-Paraná (RO). Gari é reincidente no crime de maus-tratos e ainda não foi localizado.

19723
Denúncia anônima levou Polícia Ambiental até local (Foto: Rede Amazônica/Reprodução)
Denúncia anônima levou Polícia Ambiental até local (Foto: Rede Amazônica/Reprodução)

Onze gatos e 33 cachorros foram encontrados amarrados por cordas na casa de um gari, em Ji-Paraná (RO), durante a quinta-feira (3). Conforme a Polícia Ambiental, os animais estavam sendo vítimas de maus-tratos e a suspeita é que o gari matava e cozinhava os gatos para dar de alimento aos cães.

Ainda conforme a polícia, o gari pegava os gatos e cachorros nas ruas e depois os levavam para a casa dele. O suspeito não estava na casa no momento do resgate e até esta sexta-feira (4) não havia sido localizado. Já os animais foram levados ao Centro de Zoonoses de Ji-Paraná.

De acordo com a Polícia Ambiental, a central recebeu uma denúncia de que havia um forte odor em uma casa com muitos animais. Com o apoio do Centro de Zoonoses e uma ONG da cidade, os militares foram até o local.

Quando chegaram na casa, os agentes encontraram 11 gatos e 33 cachorros em um pequeno quintal. A maioria dos animais estavam amarrados por cordas no pescoço. O suspeito não foi encontrado na residência.

Além das evidências de maus-tratos, alguns animais estavam agressivos com os agentes.

Animais estavam assustados, diz polícia (Foto: Rede Amazônica/Reprodução)
Animais estavam assustados, diz polícia (Foto: Rede Amazônica/Reprodução)

Na residência também foi achado um freezer com forte odor, mas a polícia ainda não sabe confirmar se tinha algum animal morto dentro.

De acordo com a médica veterinária que ajudou no resgate com a polícia, Rosana Pereira de Lima, é provável que o homem não comia a carne dos animais.

“Acredito que ele cozinhasse os gatos para dar para aos cachorros, pois os cachorros ele gosta de tê-los presos. O distúrbio dele é controlar os animais”, acredita a médica.

Gatos foram levados para Centro de Zoonoses (Foto: Rede Amazônica/Reprodução)
Gatos foram levados para Centro de Zoonoses (Foto: Rede Amazônica/Reprodução)

A suspeita é o que homem recolhia animais que encontrava na rua, mas também furtava animais das casas e leve para mantê-los em sua casa.

“Vamos acabar com essa história de passar a mão na cabeça de infrator. Maus-tratos é crime e roubar animais também é crime”, desabafa a médica.

Todos os 44 animais foram levados para o Centro de Zoonoses. Os tutores de animais roubados ou que sumiram podem ir ao local para um possível reconhecimento.

Resgate ocorreu esta semana (Foto: Rede Amazônica/Reprodução)
Resgate ocorreu esta semana (Foto: Rede Amazônica/Reprodução)

Em 2016, na casa do mesmo gari foram encontrados mais 30 animais nas mesmas condições precárias. Na época ele foi preso em flagrante e encaminhado à Delegacia de Polícia Civil, mas acabou sendo solto.

Por Pâmela Fernandes

Fonte: G1

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.