Para atender população de baixa renda, CCZ de Três Lagoas (MS) adquire ‘castramóvel’

242
Foto: Arquivo JPNEWS
Foto: Arquivo JPNEWS

O Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) de Três Lagoas adquiriu um trailer veterinário adaptado para realizar castração em cães e gatos machos. O “castramóvel” será itinerante, ou seja, irá percorrer os bairros da cidade. A população beneficiada pelo serviço, que é gratuito, será específica. De acordo com o diretor municipal de Vigilância e Saneamento, Francisco Joaquim da Silva, os beneficiários, que segundo Silva, são as famílias que não têm condições de se deslocar até o CCZ, para providências e cuidados da saúde do seu animal de estimação. “A equipe do CCZ fará um levantamento e as famílias mais carentes de cada bairro receberão o atendimento do castramóvel de forma gratuita”, aponta.

Segundo o médico veterinário do CCZ, Cristóvan Bazan, explica que o castramóvel é um trailer com um centro cirúrgico montado dentro dele. Entre os serviços, a Secretaria Municipal de Saúde destaca que também terá disponível a vacina antirrábica e outras, assim como estará equipado para coleta de sangue para exame de leishmaniose e outras doenças.

Com base no último censo canino e felino realizado há três anos pelo CCZ, que apontou a existência de 20.336 cães e 5.725 gatos na cidade, o órgão estima castrar 70% dessa população animal. “Estamos fechando um levantamento mais atualizado e a partir destes novos números é que faremos a média de quantos animais devem ser castrados em cada bairro especificamente”, explica Bazan.

O castramóvel foi adquirido por meio de processo de licitação ocorrido neste mês e o veículo ainda não está à disposição da comunidade, por conta de um pedido feito pela empresa vencedora para montagem do trailer e equipamentos necessários, especificados e exigidos pela pasta. O prazo é de 90 dias para iniciar as atividades. O custo foi de R$ 98 mil e adquirido com recursos próprios do município, segundo Silva.

Fonte: JPNEWS

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.