Placas incentivam denúncias de abandono de animais em Guabiruba, SC

Campanha visa abordar a questão do abandono de animais como um tema que deve ter envolvimento da sociedade e do poder público.

499
A mensagem nas dez placas lembra que o abandono é crime e orienta a população a registrar um boletim de ocorrência (Foto: Prefeitura de Guabiruba / Divulgação)
A mensagem nas dez placas lembra que o abandono é crime e orienta a população a registrar um boletim de ocorrência (Foto: Prefeitura de Guabiruba / Divulgação)

Durante o feriado de 7 de Setembro os voluntários da Protegendo os Animais com Todo Amor (Pata), em parceria com a Prefeitura de Guabiruba, colocaram na rua uma campanha de alerta sobre o crime de abandono de animais e de incentivo à denúncia.

A mensagem nas dez placas lembra que o abandono é crime e orienta a população a registrar um boletim de ocorrência (BO) na delegacia ao flagrar a situação.

As placas foram instaladas nas ruas Alois Erthal, Independência, Antônio Fischer, Guabirupé, Lageado Baixo, Pedro Keller, Vilson Gums, Pomerânia/Gaspar Alto e no trevo entre os bairros Guabiruba Sul e Planície Alta. Os locais escolhidos são os que registram maior número de abandono, além da região central onde o fluxo de pessoas é maior.

A presidente da Pata, Kelly Cristine Stricker, diz que a campanha visa abordar a questão do abandono de animais como um tema que deve ter envolvimento da sociedade e do poder público.

A mensagem nas dez placas lembra que o abandono é crime e orienta a população a registrar um boletim de ocorrência (Foto: Prefeitura de Guabiruba / Divulgação)

Para o vereador Felipe Eilert dos Santos, que acompanhou a atividade, por meio da castração pode-se evitar que os animais procriem descontroladamente e indiscriminadamente, o que acaba levando pessoas a se desfazer dos filhotes indesejados de forma criminosa, contribuindo para aumentar o índice de abandono.

Ao se deparar com alguém abandonando animais é necessário anotar placa do veículo ou tirar uma fotografia para comprovar a autoria do crime. Também é possível denunciar ligando para o 190. A PATA auxilia no processo e oferece orientações. Mais informações podem ser obtidas pela página no Facebook.

Fonte: O Município

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.