Gaiolas com aves silvestres foram encontradas dentro de uma loja em Maceió (Foto: Coronel Ascânio/Arquivo pessoal)

Polícia Ambiental apreende centenas de aves silvestres em loja em Maceió, AL

Quase 300 aves silvestres foram apreendidas na manhã desta segunda feira (19), em uma loja de animais exóticos e de ração, no Tabuleiro do Martins, em Maceió.

O flagrante foi feito pelo Batalhão de Polícia Ambiental (BPA), que lavrou um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) por crime de tráfico de animais silvestres. O Instituto do Meio Ambiente (IMA) foi acionado.

“Encontramos 289 animais silvestres em um viveiro nos fundos da loja. 99% são canários da terra”, contou o coronel Ascânio.

Ainda segundo o coronel, a suspeita é de que a loja servia de depósito para os animais que possivelmente eram vendidos na Feirinha do Tabuleiro. “Também encontramos várias gaiolas viajantes, que possivelmente eram usadas no transporte e nas vendas”.

O IMA foi acionado pra as medidas administrativas, que implicam, entre outras providências, em multa por cada animal.

Todos os animais serão encaminhados ao Centro de Triagem de Animais Silvestre (CETAS).

Outras aves ficavam em viveiros nos fundos da loja (Foto: Coronel Ascânio/Arquivo pessoal)
Outras aves ficavam em viveiros nos fundos da loja (Foto: Coronel Ascânio/Arquivo pessoal)
Aves apreendidas dividiam espaço minúsculo em gaiolas (Foto: Coronel Ascânio/Arquivo pessoal)
Aves apreendidas dividiam espaço minúsculo em gaiolas (Foto: Coronel Ascânio/Arquivo pessoal)

Por Andréa Resende

Fonte: G1

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.