Polícia Ambiental flagrou crime contra animais na Grande Aracaju, em SE

Polícia Ambiental flagrou crime contra animais na Grande Aracaju, em SE

Na tarde dessa quarta-feira, 25, policiais militares do Pelotão de Polícia Ambiental (PPAmb), flagraram dois crimes ambientais no Bairro Rosa Elze, no município de São Cristóvão, região da Grande Aracaju.

Na primeira ocorrência, uma guarnição foi acionada pelo Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (Ciosp) para averiguar a denúncia de que um homem criava em sua residência uma ave de grande porte. No local, a guarnição identificou que se tratava de uma arara-canindé, conhecida popularmente como “arara-de-barriga-amarela”. Em outra residência do bairro, também por meio de denúncia via Ciosp, a mesma guarnição apreendeu três jabutis e um papagaio.

Em ambos os casos, os infratores não apresentaram documentação dos órgãos ambientais que autorizasse criar os animais silvestres em cativeiro, por isso, no próprio local, assinaram termos circunstanciados e vão responder criminalmente no Juizado Especial Criminal de São Cristóvão por crime ambiental previsto no artigo 29 da Lei 9.605/98 (Lei de Crimes Ambientais).

Fonte: Polícia Militar de Sergipe

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.