Cativeiro foi encontrado em propriedade na Estrada do Queimado — Foto: Divulgação/PMA

Polícia descobre cativeiro com 43 aves silvestres vítimas de maus-tratos em SP

Um cativeiro com pássaros silvestres foi descoberto pela Polícia Militar Ambiental durante operação realizada nesta quinta-feira (11), em Cajati, na região do Vale do Ribeira, interior de São Paulo. De acordo com a PM, 43 aves foram resgatadas e duas pessoas foram multadas em R$ 159 mil.

Entre as espécies encontradas, estão nove coleirinhas, dois azulões, seis trinca-de-ferro, um sabiá-laranjeira, um tiê-sangue, dois sabiás-coleira, uma japuira, 14 bonitos-lindos, um sairá sete cores e seis canários-da-terra. Também foram apreendidas 14 gaiolas, dois viveiros e dois alçapões.

Os animais foram descobertos em uma propriedade na Estrada do Queimado, no bairro de mesmo nome. No local, ainda segundo a polícia, dois homens que mantinham os pássaros da fauna silvestre nativa em cativeiro foram detidos e levados para a Delegacia Sede da cidade.

Aves foram localizadas em cativeiro irregular em Cajati, no Vale do Ribeira — Foto: Divulgação/PMA
Aves foram localizadas em cativeiro irregular em Cajati, no Vale do Ribeira — Foto: Divulgação/PMA
Aves foram resgatadas por policiais ambientais em Cajati, no Vale do Ribeira — Foto: Divulgação/PMA
Aves foram resgatadas por policiais ambientais em Cajati, no Vale do Ribeira — Foto: Divulgação/PMA
Segundo a polícia, pássaros sofriam maus-tratos — Foto: Divulgação/PMA
Segundo a polícia, pássaros sofriam maus-tratos — Foto: Divulgação/PMA

Fonte: G1

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.