Polícia procura casal que jogou cadela doente no lixo em Jaboatão dos Guararapes, PE; vídeo

Polícia procura casal que jogou cadela doente no lixo em Jaboatão dos Guararapes, PE; vídeo

Imagens de câmeras de segurança que mostram um casal carregando uma cadela idosa em um carrinho de mão e abandonando o animal em um ponto de descarte de lixo em Piedade, Jaboatão dos Guararapes, devem ajudar a polícia a identificar os responsáveis pelo abandono. O animal, da raça rottweiler, aparentava estar doente. Muito debilitada e deixada sob o sol, ela foi resgatada por moradores da localidade, mas morreu logo depois.

O caso, que vem sendo tratado como maus-tratos contra animais, está sob a responsabilidade da Delegacia de Polícia do Meio Ambiente (Depoma), em Água Fria, Zona Norte do Recife, onde foi registrado um boletim de ocorrência no início da tarde desta terça-feira. De acordo com informações preliminares prestadas por testemunhas, antes de descartar o animal, o casal procurou um clínica veterinária solicitando que fosse feita a eutanásia da cadela. O estabelecimento, porém, se recusou a fazer o procedimento.

No vídeo, que vem circulando nas redes sociais, um homem e uma mulher andam em direção ao terreno baldio onde a cadela foi deixada. Em seguida, o homem lentamente despeja o animal no chão. Em seguida, os dois viram as costas e vão embora. A pena prevista pela Lei de Crimes Ambientais (9.605/98) para o crime de maus-tratos é de 3 meses a 1 ano de detenção, além de multa.

A vereadora Goretti Queiroz (PSC), ativista da causa animal, esteve no Depoma acompanhando um protetor que fez o registro da queixa.  “Vamos pedir total empenho na identificação dos criminosos. Isso é crime e queremos que a lei seja cumprida. A gente sabe que o animal tem sentimentos, ele sabe que está sendo abandonado e isso é que dói mais”, afirma a parlamentar, que se se diz chocada com o caso.

Fonte: OP9

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.