Pele de felino foi apreendida com subtenente da PM do RJ (Foto: Divulgação/Polícia Federal-Amazonas)

Policial é detido no AM ao tentar embarcar para RJ com pele de gato-maracajá em bagagem

Um subtenente da Polícia Militar do Rio de Janeiro foi detido no Aeroporto Internacional de Manaus com pele de um gato-maracajá (Leopardus wiedii). O policial levava a pele dentro da bagagem, e seguia com destino ao RJ.

As informações foram divulgadas pela Polícia Federal, que efetuou a operação. O Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Bama) lavrou multa e apreendeu a pele. O PM foi conduzido para a Superintendência da PF no Amazonas.

O PM foi conduzido à Superintendência da Policia Federal no Amazonas. O Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) foi acionado, lavrou multa e apreendeu a pele.

O gato-maracajá é um felino nativo da América Central e América do Sul. Em razão da caça ilegal, o felino encontra-se em perigo de extinção.

Fonte: G1

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.