Postmates encerra permanentemente todas as entregas de foie gras

Postmates encerra permanentemente todas as entregas de foie gras

O Postmates, um serviço de entrega nacional com sede nos EUA, pôs fim a todas as entregas de foie gras. Esta decisão segue a ação da organização de defesa dos direitos dos animais, a PETA, que procurou a empresa para educá-la sobre as práticas desumanas necessárias para criar este prato (o foie gras é feito por meio de um processo de alimentação forçada às aves).

O Postmates também concordou em remover seus outdoors que faziam pouco caso do veganismo. O anúncio dizia: “Quando você é ‘vegano’, mas você está bêbado. Tacos Carnitas. Nós entendemos”.

“O Postmates está provando que pode manter seu senso de humor sem zombar de pessoas que comem com suas consciências”, disse Tracy Reiman, vice-presidente executivo da PETA, em um comunicado. “O foie gras está oficialmente fora do menu de entrega do Postmates, e a PETA vai continuar forçando outras empresas a se juntarem a ele para rejeitar este prato produzido cruelmente”.

No Reino Unido, ativistas dos direitos dos animais também têm lutado para proibir a venda de foie gras importado no país.

Bill Oddie, uma personalidade da TV britânica e conservacionista, fez uma petição contra a venda de foie gras ao Parlamento no início de abril. A petição continha as assinaturas de mais de 70.000 cidadãos.

“Sempre que os britânicos se dizem ‘uma nação de amantes dos animais’, presumo que isso signifique que preferimos nossas criaturas saudáveis, bem cuidadas e, na maioria dos casos, vivas”, declarou Oddie. “Você pode comprar foie gras em lojas de alimentos abastadas e em restaurantes caros da Grã-Bretanha. Ele é muitas vezes referido como uma “iguaria gourmet”. Mas na verdade é uma abominação. Definitivamente, não é a comida de uma nação de amantes de animais.”

Segundo a PETA, a produção de foie gras envolve a alimentação intensa forçada de aves através da inserção de tubos nos estômagos delas.

“Investigações em fazendas nos EUA e na Europa revelaram animais doentes, moribundos e mortos, alguns com furos em seus pescoços devido a ferimentos sofridos durante a alimentação forçada”, observa a organização.

Atores como Evanna Lynch, de Harry Potter, e Ricky Gervais, do seriado Vida de Escritório, são firmes contra a prática, e ambos se manifestaram contra a venda e a produção do prato.

“O foie gras é uma prática brutalmente cruel que precisa ser interrompida”, postou Lynch em sua conta no Twitter.

Por Charlotte Pointing / Tradução de Alda Lima 

Fonte: Livekindly

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.