Prefeitura estuda liberar entrada de animais domésticos em parques de Campinas, SP

190
Cães podem circular na entorno do Parque Taquaral (Foto: Flávio Paradella)
Cães podem circular na entorno do Parque Taquaral (Foto: Flávio Paradella)

Aprovado pela Câmara e sancionado pelo executivo, o Estatuto de Proteção, Defesa e Controle das Populações de Animais Domésticos do Município de Campinas ainda depende de um estudo para ser implantando no município. O serviço será executado pelo departamento de proteção e bem estar animal, que precisa determinar como as medidas previstas na nova legislação serão colocadas em prática.

Entre outros itens, o estatuto prevê a permissão da entrada de cães em parques públicos de Campinas, que hoje é proibida. Porém, é preciso estabelecer algumas regras antes de liberar a circulação desses animais nos locais, como o uso de coleiras e de focinheiras, naqueles de maior porte. Além disso, em determinadas áreas, como o Bosque dos Jequitibás, a presença de animais domésticos deverá continuar proibida. Isso porque lá existem animais da fauna silvestre que podem ser contaminados por doenças dos cães.

De acordo com o diretor do departamento de proteção e bem estar animal de Campinas, Paulo Anselmo Felipe, o estudo realizado no estatuto deverá ser demorado. Ele afirma que não é possível determinar um prazo para a conclusão do trabalho. O estatuto dos animais vem sendo discutido desde 2010, quando chegou a ser aprovado, mas nunca foi regulamentado. Agora, um novo projeto de lei foi sancionado e aguarda a regulamentação.

Por Henrique Bueno

Fonte: Portal CBN Campinas

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.