Imagem: Pixabay

Projeto de lei de cosméticos livres de crueldade animal está a um passo de ser sancionado na Califórnia, EUA

Era uma vez, a indústria de cosméticos retratava os testes em animais como um mal necessário. Os consumidores foram levados a acreditar que, para garantir que um produto de beleza fosse seguro para uso humano, precisava-se primeiro testá-los em animais. Desde então, desmascarou-se essa noção ridícula à medida que os cientistas desenvolveram várias formas de avaliar a segurança e a eficácia de um produto sem ferir criaturas inocentes, tal como o uso das células projetadas da pele humana.

À medida que métodos inofensivos aos animais de testar cosméticos se espalharam pelo mundo, quase 40 países fizeram movimentos para proibir testes em animais. Até o momento, por alguma razão, os Estados Unidos ainda não o fizeram.

Mas há esperança: recentemente, a senadora Cathleen Galgiani, do estado da Califórnia, propôs o Ato de Cosméticos Livres de Crueldade da Califórnia (SB 1249), um projeto de lei que se destina a tornar ilegal no estado a venda de cosméticos testados em animais. Se sancionado, esse projeto de lei poderia tornar “ilegal para qualquer fabricante de cosméticos importar ou vender conscientemente qualquer cosmético, inclusive produtos de higiene pessoal, tais como desodorantes, xampus ou condicionadores na Califórnia, se o produto final ou qualquer componente do produto for testado em animais após 1° de Janeiro de 2020.”

De acordo com um comunicado de imprensa recente da organização Social Compassion in Legislation (SCIL) e o Comitê Médico pela Medicina Responsável (PCRM), os patrocinadores do projeto de lei, a SB 1249 passou por 21 votos a 9 no Senado da Califórnia. Essa vitória emocionante é um grande passo para tornar a Califórnia o primeiro estado americano a proibir por completo o processo de sujeitar animais a tratamentos cruéis e desumanos em nome dos testes cosméticos.

Como a senadora Galgiani disse após saírem os resultados da votação, “Eu fico feliz que senadores republicanos e democratas se uniram para levar à frente esta importante política. Procurar seu melhor não deve vir às custas de machucar animais com testes dolorosos nos olhos e na pele.”

A fundadora e presidente da SCIL, Judie Mancuso, também agradeceu aos senadores que votaram a favor da lei, e declarou que, “Estamos gratos por todos os votos hoje, ao saber que as vidas de centenas de milhares de animais estão em risco a cada ano. O projeto de lei SB 1249 é um passo crucial em direção a tornar todos os cosméticos que são vendidos na Califórnia livres de crueldade. Estamos esperançosos que os membros da Assembleia irão concordar.”

É certo que nós concordamos com essas declarações, e estamos muito felizes que os legisladores da Califórnia estão falando pelos animais, mesmo que nosso governo federal tenha falhado em fazê-lo. Se você quiser ver o projeto SB 1249 se tornar uma lei na Califórnia, por favor, assine essa petição no site Care2 para dizer aos legisladores que é hora de acabar com os testes em animais. Juntos, podemos aumentar as chances para a Califórnia dar o pontapé inicial com esta legislação para salvar os animais e preparar o cenário para o resto do nosso país seguir o exemplo!

ASSINE A PETIÇÃO!

Por Estelle Rayburn  / Tradução de Leonardo Lobo da Luz

Fonte: One Green Planet

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.