Michael Navage Foto: Divulgação/Mesa Police Department

Traficante é preso por estuprar gato

Um traficante americano foi preso após uma uma pessoa denunciar anonimamente, na última quarta-feira (20/3), que ele estava fazendo “sexo” com um gato em uma área residencial de Mesa (Arizona, EUA). Segundo a testemunha, Michael Navage estava com o gato “preso ao seu pênis”. O animal, continou ela, “miava muito alto”.

Michael não tem residência fixa. Com o dinheiro que ganha com o tráfico ele paga a estada em pensões ou flats. O americano tem passagens na polícia por falsificação de dinheiro e documentos.

Michael Navage Michael Navage Foto: Reprodução/Facebook
Michael Navage Michael Navage Foto: Reprodução/Facebook

O gato foi levado a um veterinário e tratado por ferimento no ânus. O felino também tinha fratura em costela e lesão pélvica, o que fez o veterinário crer que os abusos haviam começado antes do episódio que levou o traficante à prisão.

Em delegacia, ele o americano negou ter abusado do gato, pois, segundo ele, o seu pênis é “muito grande” para o animal.

Michael foi indiciado por posse de droga, bestialidade e crueldade contra animal.

Por Fernando Moreira

Fonte: Extra


Nota do Olhar Animal: A zoofilia é um tipo de exploração animal que causa danos aos bichos e que muitas vezes os leva à morte. Lamentavelmente, este tipo de crime de maus-tratos é subnotificado no Brasil e até mesmo protetores de animais se omitem na divulgação e enfrentamento da questão por motivos moralistas, prejudicando assim os animais. A despeito dos maus-tratos aos animais já serem um crime previsto na legislação brasileira, há um projeto de lei de 2015 tramitando no Câmara Federal que especifica a zoofilia como tal.

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.