Três leões e um urso de três patas resgatados de um parque Safari apelidado de o zoológico do inferno

Três leões e um urso de três patas resgatados de um parque Safari apelidado de o zoológico do inferno

Imagens incríveis surgiram quando a polícia entrou em um zoológico para resgatar 11 animais selvagens negligenciados, incluindo três leões e um urso com três patas.

 

A polícia teve que arrombar o portão de entrada de um zoológico na Albânia para resgatar 11 animais selvagens negligenciados.

Isso ocorreu após o surgimento de imagens horríveis recentes de dentro do zoológico e mostram o tratamento pobre dos animais selvagens do zoológico Safari Park Zoo em Mbrostar, no Condado de Fier, na Albânia.

A organização internacional protetora de animais Four Paws, junto com o Ministro do Turismo e Desenvolvimento da Albânia, retiraram 11 animais selvagens negligenciados, incluindo três leões e um urso de três patas do zoológico apelidado “o pior zoológico da Europa” e o “zoológico do inferno”.

No dia 23 de outubro, o grupo de direitos dos animais disse que as autoridades albanesas tinham ordenado o fechamento do zoológico, o qual então seguiu o atual processo de evacuação.

A Four Paws tem investigado o Safari Park Zoo desde dezembro de 2015, mas explicou que, por causa das regulações legais, não havia sido possível intervir até aquele momento.

“Por razões de segurança, o proprietário do Safari Park Zoo não foi informado previamente sobre o confisco dos animais selvagens”, diz a declaração.

A polícia teve que quebrar o portão de entrada para dar acesso ao zoológico a quase 20 pessoas da equipe de resgate da Four Paws.

A polícia teve que arrombar o portão de entrada de um zoológico albanês para resgatar 11 animais selvagens negligenciados. – Fonte: Four Paws
Lenci foi sedado durante o resgate. -Fonte: Four Paws

“O que nós vimos foi chocante: pequenas caixas de concreto sujas com animais desolados dentro. Os animais estavam todos em más condições”, disse o veterinário Mark Golkel, que era parte da equipe de resgate da Four Paws.

“O leão Lenci sofria de uma proliferação na conjuntiva de seu olho esquerdo que precisava ser tratada. A ursa de três patas, Dushi, estava muito emaciada e tinha claros transtornos de comportamento”.

Mas o proprietário do parque Petrit Osmani, que administrava o zoológico há cerca de 15 anos, fortemente contra a invasão, negou que seus animais estivessem doentes ou desnutridos.

Sr. Osmani disse a AFP: “Vocês não têm o direito! Esses animais são minhas crianças, vocês estão levando embora os meus filhos!”.

Lenci e os outros animais foram transportados para um zoológico na capital da Albânia, Tirana. – Fonte: FOUR PAWS
Ativistas do bem-estar animal da Four Paws removeram Lenci. – Fonte: Gent Shkullaku/AFP

Seu advogado, Elvis Sulejmani, disse que o proprietário tem preenchido toda a documentação necessária para os animais, e reclamou que as autoridades tomaram posse ilegalmente dos animais sem um veredito do Tribunal.

Em uma declaração, a Four Paws disse que os animais foram transferidos temporariamente para um zoológico na capital da Albânia, Tirana, no entanto, momentos depois de serem libertados de um enclausuramento no zoológico, infelizmente, uma zebra enfraquecida morreu.

A zebra foi sedada antes de ser transportada em um trailer para cavalos e estava consciente enquanto era transferida para Tirana, mas morreu tão logo foi libertada.

Polícia na entrada do zoológico apelidado de “o pior zoológico da Europa” e o “zoológico do inferno”
A zebra que estava entre os 11 animais resgatados infelizmente morreu depois de ser solta em um recinto no zoológico de Tirana. – Fonte: Four Paws
Ativistas de bem-estar animal da Four Paws removem uma zebra de um zoológico particular em Fier em 28 de outubro de 2018. As autoridades albanesas desmantelaram esse zoológico nessa daata. – Fonte: Gent Shkullaku / AFP
Legenda da Foto: Dushi, o urso de três patas. – Fonte: Four Paws

“Como é comum nas transferências de animais selvagens, a equipe de veterinários sedou a zebra e a carregou para transporte em um trailer para cavalos”, disse Sr. Golkel. “Durante a transferência, ela estava totalmente consciente, no entanto, logo depois de ser libertada de sua clausura no zoológico de Tirana, a zebra morreu inesperadamente”.

“Há sempre um risco residual com a anestesia, especialmente se os animais vêm de condições pobres de manutenção. A anestesia e as duas horas de transferência foram, obviamente, demais para a zebra enfraquecida. Nós todos estamos tristes por não podermos ajudar mais este pobre animal”.

Leões Zakhu e Bobby. A Four Paws diz entender que as condições do zoológico de Tirana não são ideais para animais resgatados e que estão trabalhando em soluções mais adequadas à espécie. – Fonte: Gent Shkullaku/AFP

A diretora do departamento de animais selvagens da Four Paws, Ioana Dungler, disse que, apesar de entender que as condições do zoológico de Tirana não são ideais para animais resgatados, “é a opção mais segura”.

“Estamos atualmente trabalhando em soluções mais apropriadas. Os três leões irão provavelmente para o nosso centro de grandes felinos Feilda nos Países Baixos”. Ela disse.

“Lá nós somos especializados na reabilitação de casos particularmente difíceis. É provável que iremos transferir o urso Dushi para o nosso santuário de ursos Muritz, na Alemanha”.

Por Shireen Khalil / Tradução de Fátima Cristina de Góes Maciel

Fonte: News.com.au