Vereador Eduardo Romero - Reprodução

Vereador pede convocação de concursados para estruturar UPA VET em Campo Grande, MS

Ofício encaminhado ao gabinete do prefeito nesta terça-feira, 6, solicita informações sobre o concurso realizado em 2016 para o cargo de médico veterinário. De acordo com aprovados, até o momento, nenhum profissional foi chamado para tomar posse e possivelmente no primeiro semestre deste ano vai abrir mais demanda a partir do funcionamento da Unidade de Pronto Atendimento Veterinário (UPA VET).

No ofício, o vereador Eduardo Romero destaca o concurso realizado, pede informações sobre convocações – inclusive sobre estrutura para colocar em funcionamento a UPA VET. ‘Temos informações que o CCZ vem atuando com déficit de médicos veterinário por conta da demanda que tem. Mas isto não pode ser motivo para retardar a entrega da UPA. Então, alertamos o executivo sobre aprovados em 2016 ainda não convocados para posse’, explica.

A prefeitura anunciou que neste mês começam as obras para implantação da UPA VET em um anexo dentro do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ). A expectativa é grande entre os protetores, Ongs e proprietários de animais. O vereador Eduardo Romero (Rede), que é um dos autores da Lei Municipal 5593/2015 para implantação desta modalidade de UPA, destaca que este é um braço do Programa Municipal de Bem-Estar Animal, também de sua autoria aprovado em 2014 e que ainda não foi instituído no município.

O parlamentar reforça que a causa é ampla e que a população e gestores devem ter o entendimento de que animais desassistidos se tornam problema de saúde pública sendo hospedeiros de doenças e oferecem risco ao trânsito (atropelamentos), ataques contra humanos, por exemplo.

Fonte: A Crítica

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *