15 fisiculturistas veganos que não consomem proteínas de carne

15 fisiculturistas veganos que não consomem proteínas de carne

Fisioculturistas veganos1

Quando você olha para fisiculturistas imagina que eles conquistaram aqueles músculos, além de muito treino, comendo muita carne, certo?

Caso você pense assim, saiba que não é necessariamente assim. Isto porque uma nova geração de atletas veganos, pessoas que aderiram a uma dieta livre de produtos com origem animal (até mesmo os lácteos), prova o contrário.

Abaixo se encontra uma lista com 15 pessoas musculosas que consomem proteínas de outros alimentos e não dos animais.

Confira:

1 – Barny du Plessis “Mr. Universe 2014”, é um fisiculturista profissional.

Fisioculturistas veganos2

2 – Alexey Voevoda, 10 vezes campeão mundial de “queda de braço”.

Fisioculturistas veganos3

3 – Robert Cheeke, cozinheiro vegano.

Fisioculturistas veganos4

4 – Yolanda Presswood, mãe de dois filhos e filha de fisiculturistas.

Fisioculturistas veganos5

5 – Simi Collins, da Austrália, designer gráfica.

Fisioculturistas veganos6

6– Billy Simmonds, de Sydney, ganhador do título “INBA Mr Universe Natural”, em 2009.

Fisioculturistas veganos7

7 – Jim Morris, competidor que teve seu auge nos anos de 1980, hoje com 80 anos.

Fisioculturistas veganos8

8 – Jehina Malik, vegana desde o nascimento. Treinadora e instrutor pessoal fitness.

Fisioculturistas veganos9

9 – Patrik Baboumian ganhou o título de homem mais forte da Alemanha em 2011.

Fisioculturistas veganos10

10 – Frank Medrano, da Califórnia, é um especialista em exercício corporal.

Fisioculturistas veganos11

11 – Harriet Davis, da Carolina do Norte, EUA, médico esportivo.

Fisioculturistas veganos12

12 – Torre Washington, levantador e vegano desde 1998.

Fisioculturistas veganos13

13 – Michelle LeBlanc Risley é de 49 anos, professora de yoga e Reiki.

Fisioculturistas veganos14

14 – Ed Bauer, um fisiculturista campeão.

Fisioculturistas veganos15

15 – James Hatchel, de 31 anos, personal trainer.

Fisioculturistas veganos16

Fonte: Boa Informação / Metro / Gadoo.com.br 

Nota do Olhar Animal: “E a proteína?” é uma das perguntas mais dirigidas aos veganos. Um dos argumentos usados por quem não quer abrir mão da alimentação com produtos de origem animal é o de que “ou são eles (os animais) ou eu”, como se a vida humana dependesse dos nutrientes da carne, do leite, dos ovos, etc. Esta suposta carência privaria as pessoas de várias atividades, como as esportivas de alta performance (como se a vida de seres sencientes não fosse mais importante que isto). De qualquer forma, não é verdade que haja esta carência. A suficiência nutricional da dieta vegana é atestada mundo afora, e no Brasil também pelos Conselhos de Nutricionistas (veja parecer em http://www.crn3.org.br/legislacao/doc_pareceres/parecer_vegetarianismo_final.pdf). São inúmeros os exemplos de atletas de ponta que são veganos. Estes da matéria são alguns. 

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.