60 Elefantes são libertados após conscientização do tutor na Tailândia

60 Elefantes são libertados após conscientização do tutor na Tailândia

Por Aurora Wells / Tradução de Nísia Dolores

Um grande peso foi retirado de 60 paquidermes, que não serão mais forçados a carregar turistas ou fazer truques em um popular campo de elefantes no oeste da Tailândia.

Tailandia paquidermes1

Em vez disso, o campo seguirá o exemplo do Elephant Nature Park (ENP), um renomado centro de resgate e reabilitação financiado por visitantes que querem ajudar os animais.

Tailandia paquidermes2

“Isso significa que nós poderemos libertar 60 elefantes do trabalho forçado,” disse Lek Chailert, que fundou o ENP na década de 90, em uma declaração no site da organização. “Nós aplaudimos a comovente decisão do campo. Espero que outros campos de elefantes na Tailândia façam a mesma coisa em um futuro próximo.”

Tailandia paquidermes3

Os passeios nas costas os elefantes – como aqueles realizados no campo em Kanchanabur – podem parecer inofensivos, mas escondem técnicas cruéis de treinamento. Os filhotes são violentamente arrancados de suas famílias na vida selvagem. Para que esteja apto a carregar turistas, um elefante deve primeiro ser “domesticado”, o que significa que será espancado até finalmente se tornar submisso.

Tailandia paquidermes4

O ENP possui uma idéia diferente sobre o ecoturismo. As atividades dos visitantes incluem alimentar e dar banho nos elefantes, que ficam em um amplo espaço onde podem caminhar livremente.

Tailandia paquidermes5

O objetivo é que, com a orientação do ENP, o campo liberte seus 60 elefantes do trabalho até julho. Veja como ajudar.

Fonte: The Dodo

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.