98,5% das denúncias de maus-tratos foram acatadas pelo departamento de proteção animal de SP

98,5% das denúncias de maus-tratos foram acatadas pelo departamento de proteção animal de SP
Nos últimos dois anos, mais de 16 mil denúncias de maus-tratos animais foram feitas ao Departamento Estadual de Proteção Animal. - Foto: Marcelo Braga - Flickr

De acordo com o DEPA, Departamento Estadual de Proteção Animal de São Paulo, das 8.162 denúncias que o órgão recebeu até 10 de novembro deste ano, 8.044 foram acatadas e estão sendo investigadas pela Polícia Militar. Na prática, isso equivale a 98,5% de todos os casos denunciados em 2018.

O órgão existe há dois anos, foi criado graças a Lei 16.303, idealizada pelo deputado estadual Feliciano Filho, do PRP. Ao todo, desde que o DEPA começou a receber chamadas, em janeiro de 2017, foram contabilizadas 16.355 denúncias.

A maior parte das denúncias relatavam casos de cativeiro, que é quando animais são confinados em ambientes muito pequenos e insalubres. Outras denúncias dão conta de animais usados em rinhas, criados clandestinamente, abandonados à própria sorte e mantidos com alimentação e higiene precárias.

As denúncias podem ser feitas direto ao DEPA em casos contínuos, como os de cativeiro. Casos urgentes, como espancamentos ou maus-tratos em via pública e ainda em curso, o órgão pede que os cidadãos liguem imediatamente para a Polícia Militar por meio do 190.

Fonte: Jovem Pan

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.