Após 30 dias, veja como está cachorrinho vítima de maus-tratos em Vargem Grande do Sul, SP

Após 30 dias, veja como está cachorrinho vítima de maus-tratos em Vargem Grande do Sul, SP
Hoje, Angel José segue lutando pela vida

O cachorrinho que foi abandonado na avenida Centenário no dia 22 de abril, está se recuperando e já pesa 1.860 kg a mais do que quando foi encontrado. Nomeado Angel José, ele havia sido jogado para morrer com larvas e ficou no sol quente por cinco horas em uma caixa.

Quando foi encontrado por uma mulher, ele recebeu água imediatamente, mas estava sem alimentação há cerca de 12 dias. A mulher acionou Evania Amélia Coracini, da Associação Amigos dos Animais (AAMA) de Vargem Grande do Sul, que, embora não estivesse na ativa por falta de espaço, ajudou o cachorro.

O cãozinho está tomando medicação devido a sequelas de maus-tratos das mulheres que o abandonaram. À Gazeta de Vargem Grande, Evania contou que ele está com probleminha no fígado e úlcera no olho, além de não conseguir engolir ração, necessitando de alimentação pastosa. O cachorro também faz fisioterapia e exige muita dedicação e amor.

O cão está com Evania e continuará aos cuidados dela. Segundo disse, ele é muito especial e, quando é caso de maus-tratos, ela fica com a tutela do animal. “Foi feito o boletim de ocorrência, vamos aguardar agora o decorrer de tudo. Ele é um animal que está lutando muito para viver, mas foi muita judiação o que fizeram com ele. É um cachorro muito especial mesmo, e nesses 30 dias está sendo de muita luta e ainda tem mais pela frente”, disse.

Aqueles que puderem e quiserem continuar ajudando, não só no tratamento do cachorrinho, mas também dos demais cachorros tutelados por Evania, podem fazer qualquer doação, como remédio, ração e itens para o tradicional bazar da AAMA. “Tudo é bem-vindo, de coração. As despesas com animais são grandes”, comentou.

As doações podem ser levadas na Rua do Rosário, nº 220, em frente a OAB. O Pix da AAMA é 17.833247/0001-91.

O caso

O cachorro foi deixado por duas mulheres em um carro vermelho, dentro de uma caixa, por volta das 8h30, no dia 22 de abril. Uma testemunha viu quando o carro foi estacionado e a caixa foi deixada. Após algumas horas, resolveu ver o que as mulheres haviam deixado e viu o cachorro já com varejeira e mau cheiro, com apenas um travesseiro.

Com a maneira que as mulheres jogaram a caixa, o cachorrinho caiu e estava prestes a cair no escoamento de água de rua no local. A mulher ficou desesperada e procurou Evania, que não está atendendo no momento, mas se compadeceu da situação do animalzinho. Evania pegou o cachorro e tosou os pelos, passou por veterinários e está cuidando com muito amor e dedicação do animal.

Fonte: Gazeta de Vargem Grande