Após denúncia, cadela com sinais de maus-tratos é resgatada em Apucarana, PR

Após denúncia, cadela com sinais de maus-tratos é resgatada em Apucarana, PR
Cadela pitbull foi encaminhada ao canil da Soprap (Foto: Divulgação/Soprap

Uma denúncia de maus-tratos resultou no resgate de um animal, em uma casa no Distrito de Pirapó, em Apucarana. A Polícia Civil recebeu a informação de que uma cadela da raça pitbull, com dois filhotinhos, não estava sendo alimentada e avisou a Sociedade Protetora dos Animais de Apucarana (Soprap) para acompanhar a ocorrência.

A delegada Luana Lopes foi até o local acompanhada por investigadores e integrantes da Soprap e constataram que o animal estava desnutrido.

“O proprietário disse que não pode alimentar o animal porque estava preso”, informou.

A delegada disse que conferiu os registros e confirmou que o rapaz passou um período preso. “Não autuei porque ele estava detido, no entanto, ele podia ter avisado alguém para cuidar do animal”, ressalta a delegada.

De acordo com ela, a pena para crime de maus tratos a animais varia de 6 meses a 1 ano. “Infelizmente é uma pena bem pequena. Devia ser maior, pois assim as pessoas pensariam antes de fazer isso. Vemos cada atrocidade acontecendo com animais”, conclui.

A cadela e os filhotes foram encaminhados ao canil da Soprap. O órgão pede colaboração da população com denúncias.

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.