Após maus-tratos, jovem orangotango curte liberdade pela 1ª vez na Indonésia

Após maus-tratos, jovem orangotango curte liberdade pela 1ª vez na Indonésia

Indonesia orangotango cativeiro

A orangotango, Peni, foi mantida em cativeiro com a mãe por moradores de um vilarejo da ilha de Bornéu, na Indonésia, em 2010. Agora, após ser resgatada por uma ONG de proteção animal, ela curte sua liberdade pela primeira vez.

Segundo as informações do grupo IAR – “International Animal Rescue” (Resgate Internacional de Animais, em português) -, Peni e sua mãe, conhecida como Lulu, fugiram da área onde costumavam morar depois que um desmoronamento de terra destruiu o local. Por conta da floresta ter sido tomada pelas plantações de dendê, as duas caminharam até um vilarejo próximo em busca de comida.

Ao avistarem a dupla roubando alguns alimentos, moradores locais começaram a atacar pedras e a baterem nos animais. Fraca, Lulu foi trancafiada em uma gaiola e teve seus pés e mãos amarrados por uma corda enquanto Peni foi afastada dela. No entanto, por continuar resistindo, a orangotango foi afogada em uma piscina até desmaiar.

Peni só foi devolvida aos braços da mãe depois que a mesma não apresentava mais nenhum sinal de ameaça.

Por sorte, uma veterinária da IAR presenciou a terrível cena e alertou o restante dos colegas, que conseguiram resgatar os animais. Infelizmente, devido aos graves ferimentos, Lulu não conseguiu sobreviver.

Peni foi levada ao centro da organização onde foi tratada e devolvida à natureza no ano passado. Hoje, a jovem orangotango recebe monitoramento diariamente e vive livre em um parque nacional próximo às instalações do grupo de resgate.

“Depois de um trágico início de vida, todos os envolvidos no resgate e na reabilitação de Peni torcem para que ela tenha uma longa e feliz vida pela frente”, declarou a organização.

Indonesia orangotango cativeiro2

Indonesia orangotango cativeiro3

Fonte: Rede TV

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.