Após morte de idosa, cães e gatos ficam abandonados em casa no RS

Após morte de idosa, cães e gatos ficam abandonados em casa no RS

De acordo com amigos, há mais de 100 animais na casa em Santa Maria. Mulher de 66 anos não resistiu a um câncer e morreu no domingo (12).

RS santamaria caes 01

Mais de cem cães e gatos estão abandonados em uma casa de Santa Maria, na Região Central do Rio Grande do Sul, depois que a dona deles morreu na tarde de domingo (12). Sem ela, não há quem cuide dos animais.

Maria Dorilda Feltrin, de 66 anos, não resistiu a um câncer. Em casa, tinha a companhia apenas dos animais.

“Eram uma família. Ela se dedicava muito, cuidava bem dos bichinhos. Mas as pessoas largavam muitos cachorros lá porque sabiam que ela gostava. Era uma preocupação que eu tinha, quando ela viesse a falecer, no caso. Agora vamos ver como vamos resolver”, diz o irmão Luiz Carlos Hallberg.

Por enquanto, a chave da residência está com um dos amigos de dona Dorilda. É praticamente impossível entrar no cômodo onde estão os animais. A casa é apertada e há pouco espaço para mantê-los. “Eu fiquei nos nervos de ver como ela estava vivendo. O pessoal ajudava, dava ração, mas a maioria ela comprava. Ela deixava de viver a vida dela, que era uma contadora muito boa, para cuidar dos animais”, conta o amigo Marco Antonio Franciscato.

Da rua, é possível ouvir o barulho dos bichos, que agora estão praticamente sem água e sem comida. A protetora de animais voluntária Beatriz Vendruz Colo, pede ajuda à comunidade. Doações de ração são aceitas. Quem tem interesse em adotar um dos animais também pode se manifestar. “Pode fazer doação em dinheiro se quiser, ou então vai em um pet, compra ração, e avisa liga e avisa e a gente vai tentar ajudar esses animais para que todos eles tenham um caminho”, afirma.

Os telefones para contato são: (55) 3211-8157, (55), 3026-3101 ou (55) 9963-2615.

Fonte: G1

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.