Após morte de tutora, campanha em Joinville (SC) busca lar para 40 gatos

Após morte de tutora, campanha em Joinville (SC) busca lar para 40 gatos

Família não tem como manter os animais; só em ração são R$ 600 ao mês. Campanha aceita doações em dinheiro para compra de ração aos gatos.

Uma campanha nas redes sociais busca lares adotivos para 40 gatos “órfãos” em Joinville, no Norte de Santa Catarina. Eles moram no bairro América, onde foram abandonados na casa de uma tutora, apaixonada por animais. A mulher morreu no fim de semana passado, devido a problemas de saúde.

“Ela deu tudo que esses gatinhos precisaram. São gatinhos que estão em segurança, não têm acesso à rua, têm alimentação adequada. A sorte que eles tiveram em encontrar ela muitos e muitos animais diariamente não têm”, diz a protetora dos animais Marina Zier.

SC Joinville campanha lar gatos2

Lar adaptado para gatos

A dona da casa chegou até a adaptar o imóvel para abrigar os animais. A sala de costura foi modificada para receber 20 gatos. Mais tarde, ela teve que ampliar as acomodações. Ao ar livre, uma casinha de cachorro se tornou o lar de um gato.

A família afirma que não tem como manter os animais. Só a ração tem um custo de R$ 600 ao mês, por isso, os gatos estão para adoção. “Alguns estão com virose e vão precisar de um pouco mais de atenção”.

SC Joinville campanha lar gatos3

Doações e adoção

Quem quiser fazer doações em dinheiro para aquisição de ração, pode acessar as redes sociais da campanha e obter informações sobre como participar.

“Não tem gato magro, não tem com sarna. Isso significa que estão bem, foram bem cuidados e merecem novo tutor que tenha por eles o mesmo carinho que ela teve”, disse Ana Rita Hermes, participante da Frente de Apoio aos Direitos dos Animais (Frada).

Os interessados em adotar um desses gatinhos podem enviar um e-mail para a Frada de Joinville: [email protected]

SC Joinville campanha lar gatos4

Fonte: G1

Mais notícias

{module [427]}

{module [425]}

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.