Após pressão de ativistas, Itamaraty ordena a retirada dos animais de estimação de brasileiros da Ucrânia

Após pressão de ativistas, Itamaraty ordena a retirada dos animais de estimação de brasileiros da Ucrânia
Após pressão de ativistas, Itamaraty ordena a retirada dos animais de estimação de brasileiros da Ucrânia — Foto: Reprodução/Instagram

Na última quinta-feira, 3, ativistas pelos direitos dos animais protestaram na internet após brasileiros relataram que não havia sido autorizado o embarque de animais em voos da Força Aérea Brasileira (FAB) da Ucrânia. “Estou muito nervosa. Precisei deixar tudo pra trás, inclusive coisas que eu mais me importava. Uma delas é o meu cachorro”, escreveu Vanessa Rodrigues Granovskaya que mora em Kiev e deixou a cidade após os bombardeios.

A ativista Luisa Mell, por exemplo, repercutiu a história em suas redes sociais e fez um apelo para o Itamaraty. “Já estou muito abalada com a Guerra. Imaginem falar com uma pessoas que abandonou tudo o que tinha, mas não quer deixar o cachorro para trás!! Vamos ajudá-la! Por favor. Eu imploro. Preciso de uma mobilização por aqui”, pediu Luisa.

Na manhã desta sexta-feira a mobilização deu resultado. O perfil do Itamaraty postou um vídeo e fotos de Vanessa com seu cachorro retornando ao Brasil. “Por orientação do Presidente Jair Messias Bolsonaro, o Itamaraty e o Ministério da Defesa estão mobilizados para retirar também os pets das zonas de risco. O conflito na Ucrânia trouxe desafios até mesmo para os nossos melhores amigos”, dizia a postagem.

 

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

 

Uma publicação compartilhada por MRE Brasil – Itamaraty (@itamaratygovbr)

O avião da Força Aérea Brasileira (FAB) parte na próxima segunda-feira para resgate de brasileiros em área de conflito.

Fonte: Glamour

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.