Um dos cães bebe água após ser resgatado em terreno na Ponta da Terra | Cortesia ao TNH1

Armado, homem invade abrigo e leva cães resgatados por abandono e maus-tratos

Dois cães da raça pastor-alemão foram levados de um abrigo por um homem armado, que se identificou como dono dos animais, no final da manhã desta terça-feira, 11, no bairro Jacintinho.

Os dois cães haviam sido resgatados pela Comissão de Bem Estar Animal da Ordem dos Advogados do Brasil em Alagoas (OAB-AL) de um terreno, onde estariam sem comida e água, na semana passada.

De acordo com a dona do abrigo, identificada como Ivone, uma funcionária relatou que o homem chegou ao local se identificado como dono dos animais, dois cães da raça partor-alemão, e os levou sem autorização. Ainda de acordo com a funcionária, o homem portava uma arma e teria dito que a dona do abrigo teria autorizado a retirada dos cães, o que foi negado por Ivone.

O caso

Os animais faziam a guarda de um terreno no bairro Ponta da Terra e tinham sido resgatados, no último dia 04, quando vizinhos denunciaram que os cães estavam sendo mantidos no local sem água e alimentação por aproximadamente 20 dias.

O resgate foi conduzido pela Comissão de Bem Estar Animal da Ordem dos Advogados do Brasil em Alagoas (OAB-AL) e contou com o apoio do serviço de Zoonoses de Maceió.

Na quinta-feira (06), a presidente da comissão, Rosana Jambo, disse ao TNH1 que os animais estavam em tratamento e que já havia um laudo comprovando a desidratação, anemia e processo infeccioso avançado nos animais, problemas que teriam sido causados pela negligência e abandono.

Nesta terça-feira, por meio de sua assessoria de comunicação, a OAB informou que não vai se pronunciar no momento e que o caso já foi registrado na polícia.

Fonte: TNH1

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.